segunda-feira, 4 de dezembro de 2006

Menu Iniciar (continuação)

Prosseguindo com o que dizíamos na primeira postagem sobre este assunto, ainda na tela das "Propriedades da barra de Tarefas e menu Iniciar", se você clicar na aba Menu Iniciar, no botão Personalizar e na guia Geral, poderá escolher o tamanho desejado para a exibição dos ícones (grandes ou pequenos).
No campo "Programas", é possível definir o número de atalhos variáveis a serem exibidos (de zero a 30). Sempre que você pressionar o botão "Limpar Lista", o Windows irá zerar a contagem e mostrará somente os ícones dos atalhos fixos (até que novos programas sejam executados e voltem a figurar na lista dos variáveis). E se você não gostar dessa "dança das cadeiras", estipule como zero o valor do marcador, para que seu Menu Iniciar fique limitado apenas aos ícones de atalhos fixos.
Aproveite o embalo para configurar a visualização dos atalhos de internet e correio eletrônico. Você pode desmarcar as caixas (para que esses atalhos não sejam exibidos) ou marcá-las e escolher o navegador e o programa cliente de e-mail desejados (dentro das opções disponíveis). Clicando na guia Avançado, é possível fazer ainda algumas configurações adicionais - aliás, bastante intuitivas - dentre as quais definir o comportamento dos submenus, realçar ou não os programas recém-instalados e limpar a lista de documentos recentes. O campo "Itens do Menu Iniciar" dá acesso uma porção de ajustes, bastando apenas marcar ou desmarcar as caixas de verificação existentes ao lados das opções correspondentes.
Para organizar melhor o menu "Todos os Programas", clique em qualquer dos ícones com o botão direito do mouse e escolha a opção Classificar por nome. A partir daí, todas as entradas serão realinhadas em ordem alfabética. Se você quiser eliminar uma entrada qualquer, repita o procedimento e escolha a opção Excluir.
Para mover um atalho ou pasta, basta clicar sobre ele(a) e arrastá-lo(a) até a posição desejada. Também é possível mover atalhos para dentro de pastas, arrastando-os e mantendo o botão do mouse pressionado até que a pasta de destino seja aberta. Quando isso ocorrer, mova o ponteiro para dentro da pasta e solte o botão do mouse.
Amanhã tem mais. Bom dia a todos.
Postar um comentário