segunda-feira, 7 de janeiro de 2008

Caixa de areia

Em informática, o termo "sand box" (caixa de areia) remete à execução de programas num ambiente confinado. Trata-se de uma analogia com aqueles cercadinhos onde as crianças brincam na areia e fazem uma bagunça danada (depois, é só alisar, e o troço fica como novo).
Dentro de uma "caixa de areia virtual", você pode brincar à vontade - ou seja, pode navegar na Web, usar seu cliente de e-mails, trabalhar com qualquer aplicativo e até baixar arquivos da Internet sem implicar riscos ao seu computador.

Isso porque, quando um software é executado do modo convencional, podem ocorrer alterações nem sempre previsíveis ou desejáveis nas informações gravadas no disco, mas a "caixa de areia" cria uma interface capaz de "isolar" os programas do resto do SO, impedindo-os de gravar alterações permanentes no HD (se você navegar na Web dentro de uma sand box, qualquer infecção que explore possíveis brechas de segurança do browser não terá como afetar seu sistema operacional).
Interessado? Visite http://www.sandboxie.com/ e conheça o Sandboxie: uma vez instalado, esse programa cria um ícone na área de notificação do Windows (bandeja do sistema), e sempre que você quiser iniciar uma sessão protegida, basta executar o navegador ou outro programa qualquer através desse ícone.


EM TEMPO: Amanhã, segunda terça-feira do mês, a Microsoft deve divulgar dois boletins de segurança para o Windows. A primeira correção, que se aplica ao Vista e ao XP, é considerada crítca, pois permite que hackers instalem softwares não autorizados no computador da vítima. Já sobre a segunda, classificada como importante para todos os usuários Windows, a empresa não forneceu maiores detalhes.


Até mais ler.
Postar um comentário