terça-feira, 15 de julho de 2008

Firewall do Windows

Quem não tem um firewall "de varejo" (pesquise o Blog para conhecer opções gratuitas como o Comodo e o ZoneAlarm, dentre diversas outras) deve manter habilitada a ferramenta nativa do XP - que embora não seja uma muralha intransponível, serve para monitorar (e restringir) o tráfego de dados entre seu PC e uma rede local ou a Internet. Assim, sempre que alguém tentar se conectar ao seu computador, esse "pedido não solicitado" será bloqueado, e um alerta de segurança irá consultá-lo a propósito. Caso você resolva liberar o acesso, o programa criará uma exceção e não voltará a consultá-lo no futuro.
Às vezes, é preciso que outras pessoas se conectem ao nosso PC, apesar do risco - quando desejamos receber um arquivo através do Messenger, por exemplo, ou se estivermos participando de um jogo na Internet. Mas se permitirmos exceções, estaremos comprometendo a segurança do sistema, já que é comum os crackers vasculharem a rede em busca de conexões desprotegidas. Então, para reduzir os riscos de segurança, devemos abrir exceções somente para programas conhecidos (e apenas quando isso for realmente necessário), e removê-las tão logo não precisemos mais delas.
O Firewall do Windows vem ativado por padrão, mas como alguns fabricantes de computadores costumam desativá-lo, não custa verificar a situação da sua máquina. Para tanto, clique em Iniciar > Painel de Controle > Central de Segurança do Windows > Firewall do Windows.
O programa oferece três opções de configuração: Ativado, Ativado sem exceções e Desativado. No primeiro caso, ele bloqueia todos pedidos não solicitados de conexão com seu computador, exceto aqueles de programas ou serviços selecionados na guia Exceções; no segundo, bloqueia todos pedidos não solicitados, inclusive aqueles de programas ou serviços selecionados na guia Exceções (use essa configuração se precisar de máxima proteção, como quando estiver conectado a uma rede pública em um hotel ou cybercafé, já que você ainda poderá enviar e receber e-mails, usar um programa de mensagens instantâneas e acessar a maioria das páginas da Web). Já a terceira opção deixa o sistema vulnerável a invasões e infecções virtuais, devendo ser escolhida somente se houver outro firewall protegendo o PC.
Para ajustar as configurações do Firewall do Windows, clique em Iniciar > Painel de Controle > Central de Segurança do Windows > Firewall do Windows > aba Geral. Para adicionar um programa à lista de exceções, clique na aba Exceções. Em Programas e Serviços, marque a caixa de seleção do programa ou serviço que deseja liberar e dê OK. Se o programa desejado não estiver listado, clique em Adicionar Programa, localize-o na caixa de diálogo respectiva, clique sobre ele e dê OK. O programa aparecerá então selecionado na guia Exceções, em Programas e Serviços - clique novamente em OK. Caso o aplicativo em questão não esteja listado na caixa de diálogo Adicionar Programa, clique em Procurar, localize-o e dê duplo clique sobre ele. Se ainda assim o programa não for encontrado, sempre é possível "abrir uma porta" - ou seja, permitir a passagem de comunicação por um canal específico. Para tanto, clique na guia Exceções > Adicionar Porta (lembre-se de fechá-la novamente quando terminar de usá-la).

Observação: É sempre preferível adicionar uma exceção a abrir uma porta, não apenas por ser mais fácil (você não precisa saber qual número de porta deverá ser usado), mas também por ser mais seguro. Ainda assim, usuários avançados podem abrir portas para conexões individuais e configurá-las de maneira a minimizar as possibilidades de acessos não autorizados ao PC ou à rede (para isso, deve-se clicar na guia Avançado e fazer os ajustes em Configurações de Conexão de Rede).

EM TEMPO: A Microsoft já começou a distribuir o SP3 do XP via download automático. A data de distribuição foi alterada duas vezes, não só devido a problemas de compatibilidade com o software Retail Management System (RMS), mas também para corrigir um bug que levava alguns PCs a reiniciarem infinitamente. Assim, se você ainda não havia baixado e instalado manualmente o último SP previsto para o XP - que já não é mais vendido no varejo desde o começo deste mês - configure suas atualizações automáticas.

Um bom dia a todos e até amanhã.
Postar um comentário