quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Na boca do povo

Preocupado(a) com eventuais consequências dos excessos cometidos durante o "Reinado de Momo"? Então o jeito é recorrer à Web. Aliás, pesquisas dão conta de que quatro de cada dez internautas checam regularmente seus nomes, blogs ou conteúdos (seja por simples curiosidade, seja para garantir boa reputação na hora de procurar um novo emprego, já que muitas empresas utilizam a Internet para pesquisar informações sobre os candidatos).
Caso queira saber se você “caiu na boca do povo”, em vez de pesquisar num motor de busca convencional (como o do Google, por exemplo), melhor mesmo é usar um dos diversos sites e serviços que indicam todos os locais onde a ocorrência desejada aparece. No Google Alerts, por exemplo, basta acessar a página do serviço (www.google.com/alerts?hl=pt-BR), inserir o nome desejado, definir onde (notícias, vídeos, grupos) e a frequência com que a checagem deverá ser realizada e aguardar que o sistema envie um alerta para seu endereço de e-mail. (Note que o serviço não é instantâneo; a checagem demora algum tempo e você só deverá obter resultados depois de um ou dois dias).
Outra opção interessante é o SocialMention (http://www.socialmention.com/), que varre oito categorias diferentes de notícias (blogs, comentários, imagens, etc.). Nesse caso, você faz a pesquisa no ato (e, se quiser, pode criar um feed RSS com a(s) palavra(s)-chave desejada(s) escolhendo a opção "Subscribe to RSS", no lado superior direito da página, e copiando o endereço para um agregador de feeds.

Observação: para evitar problemas, tome cuidado com o tipo de website onde você disponibiliza seus dados; crie um endereço de e-mail específico para receber mensagens de sites aleatórios e evite divulgar seu endereço e/ou número de telefone particular.

Até amanhã.
Postar um comentário