sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Mais sobre portáteis e humor de sexta-feira

Complementando o que dissemos nas postagens anteriores, a despeito de comemorarmos o Natal todos os anos, talvez o Bom Velhinho não pretenda trocar sua máquina com essa mesma regularidade. Então, para prolongar a vida útil do aparelho, veja algumas recomendações simples, mas eficientes:

1- Calor em excesso pode acarretar travamentos, falhas, e até danos mais sérios nos componentes. Assim, se você tem o (mau) hábito de operar o computador na cama ou no sofá, onde a circulação de ar possa costuma ser prejudicada por mantas, cobertas e afins, utilize aqueles suportes com pequenos ventiladores alimentados via conector USB, que não só evitam o superaquecimento, mas também prolongam a vida útil dos coolers internos, que passam a ser menos exigidos.

2- Embora os portáteis sejam projetados para uso itinerante e transporte constante, trepidações e impactos bruscos podem danificar seriamente os componentes, especialmente o delicado disco rígido. Por conta disso, convém optar por um modelo que integre um HD de SSD (tecnologia que já abordamos em outras oportunidades); além de aquecer menos, esse tipo de drive é mais resistente, já que utiliza memória flash e não possui partes móveis.

3- A bateria também requer cuidados, ou sua vida útil será drasticamente reduzida. Para evitar o famigerado efeito memória, alguns especialistas recomendam recarregá-la somente quando o sistema emitir uma mensagem de alerta – e há até quem sugira removê-la sempre que o note for utilizado conectado à tomada. Entretanto, vale lembrar que esse procedimento anula a função de no-break (com a bateria instalada, uma interrupção inesperada no fornecimento de energia da rede elétrica não impedirá que você continue trabalhando normalmente, ou que encerre os programas adequadamente, caso prefira desligar o computador).

4- A degradação do desempenho do Windows é uma conseqüência natural do uso da máquina, seja ela de mesa ou portátil. Todavia, os notebooks costumam trazer discos de recuperação (que combinam o sistema operacional com outros recursos e configurações acrescentados pelos fabricantes), com os quais é possível reverter facilmente o computador à configuração original (antes, porém, não se esqueça de fazer backup de seus arquivos pessoais, agenda de endereços, favoritos e outros que tais).

5- Finalmente, procure transportar seu portátil numa mochila apropriada, preferencialmente almofadada (algumas contam até com bolsas infláveis), mas que seja chamativa a ponto de atrair a atenção dos amigos do alheio.


Passemos agora à nossa tradicional seção de humor:


A vírgula pode ser uma pausa... ou não: Não, espere / Não espere.

Ela pode sumir com seu dinheiro: 23,4 / 2,34.

Pode criar heróis: Isso só, ele resolve / Isso só ele resolve.

Ela pode ser a solução: Vamos perder, nada foi resolvido / Vamos perder nada, foi resolvido.

Ou mudar uma opinião: Não queremos saber / Não, queremos saber.

Pode condenar ou salvar: Não tenha clemência! / Não, tenha clemência!

Enfim, uma vírgula muda tudo:

"SE O HOMEM SOUBESSE O VALOR QUE TEM A MULHER ANDARIA DE QUATRO À SUA PROCURA" (as mulheres certamente colocaram a vírgula depois de MULHER; já os homens, depois de TEM...).

Bom final de semana a todos.
Postar um comentário