terça-feira, 31 de agosto de 2010

Curtas

Mesmo que você não esteja pensando em atualizar seu PC no curto prazo, sempre pode ser útil saber exatamente quais componentes de hardware, drivers e softwares a máquina possui, não é mesmo? Para tanto, o freeware Belarc Advisor é uma mão na roda: com uns poucos cliques do mouse, ele exibe informações sobre a placa-mãe, CPU, placa-gráfica, disco rígido, drivers e respectivas versões. Demais disso, ele identifica a versão do Windows, demais softwares instalados, suas respectivas versões e chaves de instalação, bom como alerta sobre riscos por desatualização e sugere patches de segurança para correção das brechas.
Mais informações e download em http://www.belarc.com/free_download.html.

Recebi as dicas abaixo por e-mail e resolvi submetê-las aos leitores:

1. O número universal de emergência para celular é 112. Se você estiver fora da área de cobertura de sua operadora e tiver alguma emergência, disque 112 e seu celular irá procurar conexão com qualquer operadora e enviar o número de emergência para você. Note que o número 112 pode ser digitado mesmo se o teclado estiver bloqueado. Experimente!

2. Pressione *#06# e anote o código composto por 15 dígitos que será exibido no display do seu celular. Em caso de perda ou roubo, ligue para sua operadora e, além de bloquear o chip, solicite o bloqueio do aparelho (se adotada pela maioria dos usuários, essa prática desestimularia sobremaneira o roubo de celulares).

3. Caso você precise ligar do celular e sua bateria estiver quase esgotada, pressione as teclas *3370# para acionar a reserva e obter cerca de 50% de carga (que será reposta por ocasião da próxima recarga da bateria).

4. Se seu carro possui travas elétricas acionadas por controle remoto e você trancar a chave dentro do veículo, basta ligar do seu celular para alguém que tenha acesso à chave reserva e instruir a pessoa a acionar o botão que destrava as portas mantendo o telefone a cerca de 30 cm do comando, ao mesmo tempo em que você mantém o seu à mesma distância do carro.
Observação: As duas primeiras dicas são procedentes (aliás, não sei por que não constam dos manuais dos aparelhos ou das opeeradoras). No mais, digitei o comando sugerido em meu Motorola K1 quando o display exibia apenas um ponto de carga da bateria, mas o que recebi de volta foi uma mensagem de "comando inválido" (talvez o resultado fosse outro se o aparelho já estivesse emitindo o sinal sonoro de bateria baixa), e meu carro permaneceu travado durante a experiência sugerida na última dica - mas vale mencionar que o alarme disparou sem qualquer motivo aparente assim que eu destravei as portas da maneira convencional, acionando o controle a 2 ou 3 metros do veículo.
Se alguém se dispuser essas duas dicas e obtiver resultados diferentes, pediria que deixasse um comentário ou me enviassse um e-mail dando conta do fato

Bom dia a todos e até mais ler.
Postar um comentário