segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Reinstalação do XP

Conforme já comentamos em outras oportunidades, o desempenho do Windows “perde o brilho” com o uso e o passar do tempo, de modo que, uma hora qualquer, sua reinstalação será inexorável. É certo que medidas preventivas (também já comentadas em diversas postagens) podem postergá-la, mas é igualmente certo que ninguém está livre de problemas inesperados – erros recorrentes, arquivos corrompidos, ação de malwares e outros que tais.
Computadores são máquinas complexas, e “marinheiros de primeira viagem” podem achar melhor recorrer a um “Computer Guy” de confiança a se aventurar em águas turvas. Particularmente, eu aplaudo esse comportamento – afinal, reconhecer as próprias limitações é uma das maiores virtudes do ser humano. No entanto, nas versões mais recentes do Windows, a reinstalação não é mais aquele “bicho-de-sete-cabeças” de antigamente. No XP, o processo transcorre de forma praticamente automática, permitindo que qualquer usuário iniciante faça o trabalho por conta própria. Claro que a formatação do HD e a instalação propriamente dita são apenas a parte visível do iceberg; trabalhoso mesmo é lidar com seus “efeitos colaterais” – mas deixemos isso para depois.
Vale lembrar que existem outras opções de reinstalação além da completa, que eu escolhi por ser a que oferece melhores resultados. No entanto, como ela implica no apagamento dos dados gravados na partição onde o sistema se encontra instalado, antes de qualquer outra coisa você deve fazer um backup de seus arquivos pessoais com o “Assistente para transferência de arquivos e configurações” (Iniciar > Todos os programas > Acessórios > Ferramentas do Sistema). Ao final, transfira o arquivo gerado (com a extensão *.XXX) para um pendrive, mídia óptica, outro HD ou unidade lógica disponível em seu PC.
Supondo que você tenha perdido (ou não saiba onde guardou) os CDs que vieram com sua placa-mãe e outros componentes off-board (placa de vídeo, de som, de modem e de rede), é bom saber que o freeware Driver Magician Lite  pode identificar o hardware, extrair os drivers respectivos e fazer um backup num local à sua escolha (embora seja possível pesquisar e baixar os drivers pela Internet, isso leva bem mais tempo e dá bem mais trabalho).

OBSERVAÇÃO: Computadores “de grife” costumam trazer discos de recuperação personalizados pelos fabricantes (ou uma partição no HD com os arquivos necessários à reinstalação do sistema nos moldes originais). Sendo o caso, desconsidere este tutorial e siga as orientações fornecidas no manual do usuário (ou entre em contato com o suporte técnico).

• Concluído o backup, insira a mídia de instalação do XP na gavetinha do drive óptico e reinicie o computador (talvez seja preciso acessar o CMOS Setup e reconfigurar a seqüência de boot; para mais detalhes, clique aqui ). Quando a frase “Pressione qualquer tecla para iniciar a instalação...” for exibida, pressione qualquer tecla e aguarde até que o Instalador do XP carregue os arquivos necessários.
• Quando vir a tela de boas-vindas, pressione ENTER para dar início à instalação, leia a EULA (licença de uso do Windows) e pressione F8 para aceitar os termos do contrato. Quando for perguntado se você deseja reparar a instalação atual do Windows ou partir para uma nova instalação, pressione a tecla ESC (a reinstalação de reparo pode ser uma boa opção em certos casos, mas isso já é outra história e fica para outra vez).
• Na próxima tela, siga as instruções do Instalador para excluir a partição na qual o XP se encontra instalado (ou seja, selecionar a partição em questão, pressionar a tecla D para excluí-la, teclar ENTER e, finalmente, L). Após excluir a partição, crie uma nova seguindo as instruções do Instalador – ou seja, pressione a tecla ENTER, escolha a opção "Formatar a partição utilizando sistema de arquivos NTFS (rápido)”, aguarde a conclusão da formatação, a cópia dos arquivos e a reinicialização do computador (que será feita automaticamente).
• Quando o computador for reiniciado, volte à tela do Setup e restabeleça a seqüência de boot anterior (com o HD em primeiro lugar). O sistema tornará a ser reiniciado, desta feita a partir do disco rígido e já em modo gráfico, e a instalação prosseguirá por vários minutos sem exigir qualquer intervenção. Ao final, você será instado a fornecer algumas informações básicas (o Windows XP em português já vem configurado para o nosso idioma e para o layout padrão ABNT2 – aquele que tecla Ç –, de modo que, se for o seu caso, basta clicar em “Avançar”).
• Quando solicitado, insira o seu nome e o da sua organização e a chave de instalação (que vem na caixinha do CD). Defina também um nome para o computador (para efeitos de rede), ajuste a data, hora e fuso horário (se necessário) e clique em “Avançar”. Na tela de configuração da rede, basta manter a opção padrão e clicar em “Avançar”.
• Quando o computador tornar a reiniciar, um Assistente irá auxiliá-lo com as configurações iniciais; basta seguir as instruções na tela, responder as perguntas e ir clicando em “Avançar”. Ao final desse processo, seu sistema já estará operacional.

O próximo passo será reinstalar os drivers, começando pelos do chipset. Insira o CD que veio com sua placa-mãe e siga as instruções nas telas. Faça o mesmo com os CDs que acompanham suas placas de vídeo, de som, de modem e de rede, caso sejam off-board (reiniciando o computador sempre que for solicitado). Posteriormente, você poderá fazer os ajustes adicionais a partir do Gerenciador de Dispositivos e atualizar os drivers para suas versões mais recentes.
Na seqüência, reinstale e atualize suas ferramentas de segurança (antivírus, firewall, antispyware, etc.), conecte a Internet e rode o Windows Update para atualizar o sistema (que voltou ao “status quo” original) com os Service Packs e todas as demais correções críticas e de segurança disponibilizadas pela Microsoft (alternativamente, você pode economizar tempo e trabalho com ajuda de sites como o http://www.softwarepatch.com/windows/index.html e o http://downloads.littlbuger.info/).
Finalmente, restaure seus arquivos pessoais a partir do backup que você criou antes de reinstalar o sistema, reinstale os demais aplicativos (aproveite para ver se existem versões mais recentes; caso afirmativo, faça as devidas atualizações) e refaça todas as reconfigurações e ajustes necessários para que tudo volte a ser como antes no quartel de Abrantes.
Boa sorte.
Postar um comentário