sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Ícones, etc. (conclusão) e Humor de sexta-feira

Se você personalizou seus ícones e ajustou outros aspectos da área de trabalho, talvez queira mudar também o plano de fundo. Para usar as imagens que o XP oferece por padrão, dê um clique direito num ponto vazio da tela, clique em Propriedades e selecione a aba Área de trabalho. No campo “Plano de fundo”, escolha a imagem desejada, ajuste a forma de exibição (em “Posição”, que oferece as opções centralizar, lado a lado e estender), confira o resultado no pequeno monitor e, se estiver satisfeito, clique em Aplicar e em OK.
Note que qualquer foto ou figura armazenada no seu HD pode ser utilizada como plano de fundo, mas o resultado nem sempre é satisfatório, pois depende do formato, da resolução e do tamanho da imagem. No entanto, existem toneladas de wallpapers disponíveis gratuitamente para download (confira em www.papeldeparedegratis.net/, www.sopapeldeparede.com.br/ e www.papeldeparedebr.com.br/, por exemplo). Baixe os que mais lhe agradarem, salve-os numa pastinha (o nome da pasta e o diretório ficam a critério do freguês), dê um clique direito sobre um deles e clique em “Definir como plano de fundo da área de trabalho”.

Observação: Se quiser criar um papel de parede verdadeiramente personalizado, visite o site http://www.wallpapermaker.net/, que não só oferece um serviço on-line gratuito com diversas opções de efeitos, mas também dispõe de uma galeria com milhares de wallpapers em alta resolução.

Concluídos os ajustes, salve o novo tema (para poder reaplicá-lo a qualquer momento). Ainda na tela das Propriedades de vídeo, clique na aba Temas e, em Salvar como, digite o nome desejado, clique em Salvar, Aplicar e em OK.
O XP permite miríades de outras personalizações. Clicando na aba Aparência e na opção “Avançada”, por exemplo, você poderá personalizar uma porção de elementos de qualquer janela, tanto do sistema quanto de aplicativos que não são do Windows – use a setinha ao lado do menu “Item” para escolher o elemento desejado e fazer as alterações (fonte, tamanho, cor, estilo, espaçamentos, e por aí vai).
Alguns miniaplicativos do Painel de controle abrem ainda mais o leque: experimente dar duplo clique em “Sons e dispositivos de áudio”, selecionar a aba Sons e conferir a lista exibida em “Eventos de programa”. O ícone de um pequeno alto-falante antes de um determinado evento indica que um alerta sonoro lhe foi atribuído; para ouvi-lo, pressione o botão com uma setinha à direita (junto à caixa “Sons”); para modificá-lo, clique na setinha para baixo (ao lado do nome do arquivo) e escolha uma das opções – ou clique em “Procurar” para ampliar o leque de possibilidades. E se gostar de sons diferentes ou bizarros, visite www.thefreesite.com/Free_Sounds/, copie os arquivos desejados para a pasta Media, no diretório C:\Windows (assegure-se de salvá-los no formato WAV) e torne a clicar no botão “Procurar”, para fazer a respectiva associação.
Um número incontável de ajustes pode ser feito via edição manual do Registro (conforme já comentamos em outras oportunidades), mas é mais prático e seguro fazer essas modificações com o auxílio de ferramentas como o Tweak UI ou o X-Setup Pro (já analisados em outras oportunidades).

Passemos agora à piadinha da vez:

Após bater no carro de um mineirim do interior, o gringo desce e diz, gentilmente:

"HELLO!"
E o mineirim responde:
"Relôôô o caraio! Massô foi tudo!"

Bom final de semana a todos.
Postar um comentário