quarta-feira, 21 de novembro de 2012

RAM DISK (continuação)

Vimos que um RAM Disk permite acelerar o PC na execução de tarefas que demandam muita memória e agilidade na transferência de dados, e que sua criação requer fartura de RAM – se você dispuser de menos de 6GB, esqueça. Do contrário, acompanhe o tutorial a seguir (baseado num artigo publicado por Brad Chacos na PC World americana), onde o programinha sugerido, que é gratuito para uso pessoal, permite criar drives de até 4 GB:

1.   Baixe e instale o DATARAM RAMDisk, rode o utilitário de configuração, marque a opção Unformatted e digite a quantidade de memória (em megabytes) que você deseja alocar. Tenha em mente que 1GB corresponde a 1024MB, e que o limite permitido pela versão gratuita da ferramenta é de 4096MB – ou 4GB.

2.   Caso deseje salvar os dados quando desligar o PC, clique na aba Load and Safe, marque a opção Save Disk Image on Shutdown e defina o local onde a imagem deverá ser armazenada (para que seja carregada novamente durante a inicialização do sistema). Já se a ideia for armazenar somente arquivos, deixe essas opções desmarcadas, pois elas retardam drasticamente o encerramento e a inicialização do Windows.

3.   Clique em Start RAMDisk, instale os drivers da Dataram e formate o novo disco (no Windows Explorer, dê um clique direito sobre o ícone que representa o RAM Disk, escolha a opção Formatar, deixe a opção Tamanho da unidade de alocação como está, mude o Sistema de arquivos para NTFS, marque a opção Formatação Rápida, atribua um nome ao disco e clique em Iniciar).

Observação: Tenha em mente que o RAM Disk é exibido como um drive convencional, mas a memória alocada para sua criação não estará disponível para outras tarefas. Então, se seu sistema tiver 8GB de memória e você reservar metade para o drive virtual, restarão “apenas” 4GB para o sistema operacional e demais aplicativos.

Amanhã a gente conclui; abraços e até lá.
Postar um comentário