terça-feira, 11 de dezembro de 2012

PATCH TUESDAY, ALL IN ONE e CROQUETES DE CARNE


Antes de qualquer outra coisa, vale lembrar que hoje, segunda terça-feira de dezembro, é o último PATCH TUESDAY da Microsoft em 2012. Quem não configurou as atualizações automáticas (basta pesquisar o Blog para saber como fazer isso) deve rodar o Windows Update, preferencialmente à noitinha ou amanhã pela manhã.

Pegando um gancho no comentário do meu amigo Georges na postagem retrasada, se portabilidade e mobilidade não são suas prioridades e você não aguenta mais aquela “macarronada” de cabos que se espalha na mesa de trabalho, que tal substituir seu desktop velho de guerra por um modelo ALL IN ONE?
Nessa conformação, gabinete e monitor (geralmente com mais de 20 polegadas) se fundem numa única peça, e com teclado e mouse wireless (sem fios), você dá adeus àquela cabaiada toda.
Para avaliar quatro modelos da Dell com preços entre R$ 2,3 mil e R$ 2,9 mil, clique aqui, mas não se decida antes de conhecer e o HP TOUCHSMART, que oferece uma configuração de respeito por dez parcelas iguais de R$ 299.
Mais uma vez, boas compras.

Como este post ficou curtinho, segue a receita de um acepipe delicioso que eu degustava na velha "LEITERIA LÍRICO", lá pelos anos 1980 (depois do bauru de rosbife, era o meu preferido):

Você vai precisar de 1 kg de patinho ou coxão-mole; 2 batatas médias; 1 colher de sopa margarina; 3 dentes de alho picados; 1 cebola média picada ou ralada; ½ pimentão médio picado; ½ xícara de farinha de trigo e outro tanto de farinha de rosca; 1 xícara de leite; 2 ovos; um pacote (100 g) de queijo parmesão ralado; sal, pimenta do reino, cheiro verde e molho inglês a gosto.

Para o preparo, embora você possa refogar a carne já moída ou aproveitar pedaços de carne previamente assada, eu sugiro temperar do seu jeito o patinho (ou o coxão-mole), dourá-lo e cozinhar na pressão junto com as batatas, esperar esfriar e passar tudo pelo processador (ou moer duas vezes num moedor convencional).
Feito isso, coloque a carne e as batatas já processadas numa panela de tamanho adequado com a margarina previamente aquecida e, sempre mexendo com uma colher de pau, junte os ovos, o alho, a cebola, o cheiro verde, o pimentão, o queijo ralado e os demais temperos. Acrescente a farinha dissolvida no leite e continue mexendo. Ao obter uma massa homogênea, apague o fogo e deixe esfriar.
Enrole os croquetes (o tamanho fica a gosto do freguês), passe-os na farinha de trigo, molhe-os numa mistura de ovo batido e água e passe-os na farinha de rosca.
Separe a quantidade desejada (guarde o restante no freezer, de preferência num tupperware com tampa), aqueça bem o óleo numa frigideira alta – jogue um fósforo dentro; quando ele acender, é porque já está no ponto –, frite os croquetes até que fiquem bem douradinhos e deixe-os por um ou dois minutos em papel absorvente.

Bom apetite.   
Postar um comentário