quinta-feira, 4 de julho de 2013

WINDOWS 7 - TRILHA ZERO (ou SETOR MBR) - COMO REPARAR?

No país onde o Ministro da Saúde diz que sexo é o melhor remédio para hipertensão, já tem gente usando a masturbação como genérico.

Todo HD é formatado fisicamente na fábrica, quando então as superfícies dos pratos são divididas em trilhas, setores e cilindros. As trilhas são “círculos concêntricos” numerados da borda para o centro e divididos em (milhares de) setores de 512 bytes.

ObservaçãoNão confunda formatação física com formatação lógica, que remete à "inicialização" feita no HD para permitir ao sistema "enxergar" as partições e criar os parâmetros necessários ao gerenciamento do espaço disponível.

Quando o drive é composto por dois ou mais discos, existe ainda a figura do "cilindro", que corresponde aos conjuntos de trilhas de mesmo número dos vários pratos (o cilindro 1 é formado pela trilha 1 de cada face de disco, o cilindro 2, pela trilha 2, e assim por diante).
O primeiro setor do HD – conhecido como setor de bootsetor zerotrilha zero ou MBR (Master Boot Record) – abriga o gerenciador de boot, as tabelas de alocação de arquivos usadas na formatação lógica das partições inicializáveis, além de outros dados inerentes à inicialização do sistema.

Observação: Não confunda setor com cluster. O primeiro corresponde à menor unidade física do HD, ao passo que o segundo, geralmente formado por um conjunto de setores, à menor unidade lógica que o SO é capaz de acessar para armazenar dados.

Caso um malware ou outro problema qualquer comprometa a trilha zero, o Windows não irá carregar e as partições ficarão inacessíveis (talvez seja exibida uma mensagem do tipo "O BOOTMGR ESTÁ AUSENTE, PRESSIONE CTRL+ALT+DEL PARA REINICIAR"). No entanto, se os dados estiverem realmente comprometidos, de nada adiantará reiniciar o computador. Por outro lado, antes de formatar o HD e reinstalar o sistema, tente o seguinte:
  • Insira o DVD de instalação do Seven na gavetinha e reinicie o PC (caso seu sistema tenha vindo pré-instalado e você não disponha da mídia em questão, veja se consegue obtê-la emprestada de algum amigo ou parente).
  • Escolha o idioma desejado e clique REPARAR O SEU COMPUTADOR.
ObservaçãoPara dar o boot a partir de uma mídia óptica, a opção CD/DVD deve preceder o HD na sequência de inicialização. Acesse o CMOS SETUP, faça os ajustes necessários na página “Advanced Setup” (ou algo de nome semelhante), salve, encerre o programa e reinicie o computador.
  • Selecione a versão do sistema e clique em Correção de Inicialização. Se não resolver, volte ao Console de Recuperação, selecione Prompt de Comando e digite os seguintes comandos (pressionando Enter ao final de cada um): 
bootrec /fixmbr
bootrec/ fixboot
bootrec/ rebuildbcd


Digite Exit para fechar a janela do Prompt, remova a mídia da gavetinha e reinicie o computador

Boa sorte.

33 comentários:

jcgarces disse...

No país onde o Ministro da Saúde diz que sexo é o melhor remédio para hipertensão, já tem gente usando a masturbação como genérico.


Boa essa HEHEHEHEHEHEHEHE.

Mas quanto ao MBR, eu graças ao monópolio da microsoft e algumas placas mãe , já passei um grande sufoco ao tentar fazer uma coisa até então SIMPLES : dual boot.

Vejam aqui.

http://ubuntuforum-br.org/index.php/topic,104191.0.html

http://ubuntuforum-br.org/index.php/topic,104662.0.html

"O Unified Extensible Firmware Interface (UEFI), em portugês Interface Unificada de Firmware Extensível, é uma especificação que define uma interface de software entre o sistema operacional e o firmware da plataforma. UEFI pretende substituir a interface de firmware do Sistema de Entrada/Saída Básico (BIOS), presente em todos os computadores pessoais compatíveis com o IBM PC. Na prática, a maioria das imagens UEFI fornecem suporte legado para os serviços do BIOS. UEFI pode suportar diagnósticos remotos e reparação de computadores, mesmo sem outro sistema operacional.

A especificação original EFI (Extensible Firmware Interface) foi desenvolvida pela Intel. Algumas de suas práticas e formatos de dados espelham aqueles do Windows. Em 2005, a UEFI tornou a EFI 1.10 (versão final do EFI) obsoleta. A especificação da UEFI é gerenciada pelo Unified EFI Forum."

Caso o comentário esteja fora do contesto favor apagar.

Abraços.

Lu Cidreira disse...

Olá mestre, fiquei que nem cego em meio a tiroteio, li reli e não adiantou muito, pois isso é para os fortes, eu que tenho conhecimento de TI fraco não vou entrar em questão com os fortes.
Como diz o ditado popular: em terra de cego quem tem um olho é "rei", pra mim é caolho. KKKKKKKKKKKKK!
Abraço

Fernando Melis disse...

Oi, Garcês.
O UEFI já foi comentado aqui no Blog (http://fernandomelis.blogspot.com.br/2012/03/bios-cmos-e-setup-final.html), e consiste no virtual sucessor do tradicional BIOS, que é u dos grandes responsáveis pela demora na inicialização do PC. Já o DUAL BOOT é um artifício mediante o qual podemos manter dois sistemas operacionais no mesmo PC, o que tem a ver, sim, com a trilha MBR, que nesse caso, integra um boot manager que será carregado toda vez que o PC for ligado e exibirá uma tela perguntando qual sistema operacional deverá ser inicializado.
Obrigado por mais esta participação, meu amigo. Abraços e um excelente final de semana para você.

Fernando Melis disse...

Oi, Luizão.
Não se amofine, meu rei, pois realmente o assunto foge um tanto complexo. Ainda assim, eu achei por bem abordar esse tema, já que pode ser útil para alguém recuperar sua trilha zero sem reinstalar o sistema ou gastar dinheiro com mão de obra especializada.
Note que a formatação lógica do disco salva o particionamento na tabela de partição, gravada na trilha zero. Esta tabela contém informações sobre o tipo, endereço de início e final de cada partição, além da formatação das partições, onde você pode escolher o sistema de arquivos que será usado em cada uma delas. Ao instalar o sistema operacional, é gravado mais um componente: o gerenciador de boot, responsável por carregar o sistema durante o boot. Tanto ele quanto a tabela de particionamento do HD são salvos na trilha zero (MBR), que contém apenas 512 bytes (446 bytes são reservados para o setor de boot, enquanto os outros 64 bytes guardam a tabela de partição e os dois últimos a assinatura).
Ao trocar de sistema operacional, você geralmente sobrescreve a MBR com um novo gerenciador de boot, mas a tabela de particionamento só é modificada ao criar ou deletar partições. Se, por qualquer motivo, os 64 bytes da tabela de particionamento forem sobrescritos ou danificados, você perde o acesso a todas as partições do HD que fica como como se tivesse sido completamente apagado. E é aí que entra a nossa dica.
Abraços, bom f.d.s. e até mais ler.

Lu Cidreira disse...

Entendi, mas ainda meio embaralhado, agradeço pelas explicações irei comentar com o meu filho Fábio, ele é que tem que esses assuntos em evidencias.
Valeu
Abraço

Fernando Melis disse...

Valeu, meu rei.
Abraços.

guilherme daniel disse...

Estou com um problema, recentemente instalei o Ubuntu noo meu desk afim de realizar um Dual Boot, mas o PC inicia direto no Ubuntu mas os arquivos de win xp ainda estao la, um amigo deu falou que o problema era nas trilha MBR (q havida sido apagada , ou algo do tipo) e q poderia ser resolvido, então se vc poder me ajudar aqui,ficarei mt agradecido.

Fernando Melis disse...

Oi, Guilherme.
Se problemas dessa natureza são difíceis de resolver in loco, pior ainda será tentar fazê-lo à distância. No entanto, arrisco-me a oferecer alguns palpites; se eles irão ao não ajudar o amigo, aí é outra história.
Caso você tenha o hábito de usar ferramentas de manutenção (há dezenas de postagens sobre essa assunto aqui no Blog), considere a possibilidade de realizar mais uma maratona completa, da limpeza de arquivos, correção de erros e desfragmentação do HD à limpeza, desfragmentação e compactação do Registro.
Se o problema continuar, poder-se-ia tentar desfazer o dual boot e refazê-lo logo em seguida, o que poderia eventualmente corrigir o que deu errado da primeira vez.
Antes, porém, seria bom você dar uma olhada no artigo https://support.microsoft.com/kb/289022/pt-br da Microsoft, que dá instruções detalhadas para editar o aquivo BOOT.INI no XP.
Espero ter ajudado.
Boa sorte, abraços e até mais ler.

marcelo henrique moraes disse...

Te contar um caso que tive aqui.

Um HD que a muito tempo estava sem uso, a cliente me chegou dizendo que não ligava e o sobrinho tentou formatar o computador, mas ele continuou sem funcionar. Então eu em minha grande sabedoria "chutatória", um verdadeiro artilheiro, o camisa 10 nos gramados computacionais, matutei comigo: -Isso é problema de MBR.
Tirei um pequeno pedaço do HD para testar uma distro linux e o grub não conseguia escrever na MBR, chamei Mimosa, a vaca leiteira do seu Argenor, o fazendeiro vizinho, e pedi que ela tossisse, e nada adiantou.
Eis que encontro um tal de Minitool Partition Wizard, na versão profissional ele tem uma ferramenta para reconstruir apenas a MBR, e isso resolveu o problema.
Então eu pergunto, esse processo ai de reparação também resolve casos extremos como esses ou só serve para reescrever ela, em casos que alguma coisa apaga o endereço dos arquivos de boot do sistema operacional da trilha 0?

Uma coisa que se usa muito quando o cabra instala linux e depois instala o windows mas quer continuar com dual boot dos dois sistemas, o windows chega chutando o balde e não quer nem saber se já tinha alguém na casa, enquanto o grub é mais educado e deixa sempre o usuário escolher quem vai ficar e dá ainda a opção de selecionar qual sistema vai inicializar. Então tu tem que dar boot com um live cd e reinstalar o gerenciador e inicialização.

Quanto ao UEFI eu li algo a respeito uns anos atrás, parece que eles vão exigir algum tipo de homologação para que os sistemas sejam inicializado, alegando questões de seguranças e bla bla bla. Não sei como anda a questão atualmente mas pelo que eu vi tem uma forma de contornar essa limitação nas configurações da UEFI e é tem algo a ver com alguma opção com o nome de boot seguro e etc e tal.

Enfim, quem precisa usar o linux depois que instalou o windows, pesquisa: reinstalando o grub na mbr no Duck Duck Duck Go (haha, achou que eu ia falar google?)

marcelo henrique moraes disse...

O guilherme, duas possibilidades para o teu problema.

Primeiro: Existe entrada do windows no arquivo de configuração no grub mas o timeout está setada como 0 segundos e não te aparece o menu de seleção.
Nesse caso é mais simples.
no arquivo /boot/grub/grub.cfg procure a linha
set timeout=0
e mude o 0 para 5 ou a quantidade de tempo que você quiser que o menu seja visível.

Segundo: O grub nem se quer fez uma entrada para inicialização do windows.
Nesse caso complica um pouco, procure no repositório o pacote os-prober
Esse é o nome dele no linux arch e eu nãos sei se é o mesmo nome, ou sequer que ele exista nos repositórios do Ubuntu então isso é algo que tu vai precisar descobrir por conta própria =)
Caso tu tenha encontrado e instalado o os-prober, isso é bom, ele vai fazer um grande trabalho para você então tu só precisa dar um grub-install /dev/sdx (não se esqueça que o "sdx" é o HD pra instalar o grug, ele pode ser sda/sdb/sdc, o nome depende de quantos HDs tu tem em sua máquina.)

Agora vamos ao caso cabeludo que tu não encontrou o os-prober nos repositórios, ou ele não resolveu o problema, ou a Canonical colocou alguma configuração cabeluda no Ubuntu.
Siga essas instruções.
http://www.tvieira.net/oldblog/linux/como-adicionar-o-windows-seven-no-grub-2/

Ela também serve para o windows vista, xp, 2000 e 98, mas pelo visto não no 95 pois o chainloader dá um problema com versões anteriores ao windows 98 por questões de legado que eu desconheço, e nem sei se são verídicas pois nunca testei.
Caso nenhuma das opções acima estejam corretas tenha mais sorte com o Ubuntu 13.10 =D

Rodrigo Gonçalves disse...

vi que vc entend bastante sobre hd talvez possa me ajudar? modelo do hd hgst z5k500-500
500gb
5400rpm
s /n 4N1SDPUR
ele e um hitachi porem ele esta com uma senha ATA ou algo q nao deixe o windows reconhecer ja tentei varios programas,particion magic,acronis,hd low lvl format,instalei windons 98,xp,7 e por fim estou no 8,fiz todos teste pelo linux (sem sucesso) preciso formatar ou criar partiçao, usei tbm todas ferramentas do hyren boot (sem sucesso) tenho 5 hd desses no meu aparelho dvr la eles funciona mas so la.
Pode me Ajudar?
Skype: Rodrigoo_x

Fernando Melis disse...

Oi, Marcelo.
Seus comentários me passaram despercebidos, razão pela qual somente agora, diante da mensagem do Rodrigo, é que me dei conta deles. Minhas desculpas.
No mais, o amigo me parece íntimo dos meandros do Linux - ao contrário deste humilde escriba, que só o conhece de passagem e assim mesmo por dever de ofício.
Obrigado pela participação - e mais ainda por abrir o leque de opções de ajuda ao Guilherme. Talvez pudesse fazer o mesmo em relação à dúvida do Rodrigo, desde que por qualquer motivo voltasse a esta postagem, o que me parece bastante improvável.
Abraços, e até mais ler.

Fernando Melis disse...

Oi, Rodrigo.
Pesquisando a Web, encontrei diversos relatos semelhantes ao seu, inclusive envolvendo especificamente HDs HITACHI de 500 GB.
Tudo aponta para um problema de firmware - conclusão praticamente unânime dos participantes do fórum do Guia do Hardware (veja mais em http://forum.clubedohardware.com.br/topic/988460-hd-500gb-sata-hitachi-dvr-decoder-gravador-gvt/). Nas trocas de mensagens que eu acompanhei, ninguém ainda havia proposto uma solução, embora houvesse promessas nesse sentido. Talvez você encontra algo aproveitável indo mais a fundo nas pesquisas - coisa que não adiantaria eu fazer, já que não teria como testar.
Boa sorte, volte sempre e escreva quando quiser, OK?

Um Cara disse...

Fernando, parabéns pelo blog.
Bom, estou com um caso bem cabeludo aqui. Se puder dar algum pitaco, agradeço.

1. É um HD Hitashi, 5.400 rpm, 160 GB, duas partições.

2. HD parou de funcionar do nada, sem fazer ruídos no disco. Não é reconhecido pela Bios. Testado em outro Notebook também não. Liguei somente o cabo de força num desktop e está ligando, rodando lisinho. Desktop é somente IDE, não tentei ainda usar um adaptador IDE/SATA. No notebook tentei usar várias ferramentas do Hiren's Boot, incluindo HDD regenerator, e nada. Não reconhece mesmo.

3. Em pesquisas em foruns na net achei que o problema poderia ser de placa lógica. Tirei a placa lógica do HD e vi diodos de entrada de energia queimados.

4. Então, comprei no ML um HD igual, observando os códigos da etiqueta da placa lógica, iguais, que indicam que possivelmente são de mesmo firmware.

5. Recebi o HD, troquei a placa lógica e... não funcionou.

6. Andei lendo que eu poderia cambiar o firmware da placa antiga para a nova. Tem programas que fazem isto? Ou é somente por meio da troca física do componente que armazena as informações da trilha zero?

7. Bom, agora tenho dois HDs iguaizinhos... o que eu poderia mais fazer?

8. A possível causa do problema: estava com o XP na partição C: e resolvi instalar o Win 7 no D: para ver se seria compatível com os hardwares de vídeo, rede etc do notebook. Deu certo, tudo compatível. Ao invés de eu desinstalar o Win 7 para reinstalar no C:, eu simplesmente formatei a partição D. Nos dias seguintes, ao iniciar o boot, ele perguntava ainda qual windows eu queria carregar. Ou seja, o boot do HD ainda tinha algo gravado nas suas trilhas inicias esta informação. Num certo dia deu pau, não reconheceu mais o HD. Teria sido, então, que o HD tenha tido o tal MBR corrompido por conta destas falhas de leitura durante o boot?

Tem alguma luz pra me dar, sem que eu tenha que gastar de 400 a 1000 reais para recuperar 60 GB de dados muito importantes pra mim?

Muito obrigado e um abraço.

Sérgio

Fernando Melis disse...

Oi, cara.
Realmente, uma sinuca de bico.
Assim, de bate pronto, eu não tenho sugestão alguma, mas me dê alguns dias (fique à vontade para me cobrar se achar que minha resposta está demorando demais) e eu vejo se consigo ajudar o amigo de alguma maneira.
Abraços, volte sempre e escreva quando quiser.

Um Cara disse...

Valeu pela atenção, cara.
Eu só queria entender esta história de trocar a placa lógica. Já vi relatos de que dá certo, e outros de que não adianta, pq cada HD tem um firmware. Vi sites que dizem que fazem transferência de firmware... não sei não...
Outra coisa que não consegui entender, quando a MBR tá corrompida o HD é reconhecido na Bios? Ou é reconhecido mas não permite acesso às particões e dados.
Por fim, quando instalamos e desinstalamos várias vezes OSs em diferentes partições, pode gerar conflitos de leitura no boot e dar pau na trilha zero do HD?
Ah, quase esquecendo. Se eu resetar a trilha zero, zerar o MBR, meus dados (arquivos e pastas) continuam integros, certo?
Rss...
Desculpa te encher.
Valeu.
S.

Fernando Melis disse...

Oi de novo, Sérgio.
A troca da placa lógica é possível, o que não é possível é garantir que dê resultado em 100% dos casos (desculpe o trocadilho).
Já o firmware traz informações como marca, modelo e numero de serie do disco, versão do programa, atributos do smart e outros que tais. Sua regravação é possível, mas deve ser feita preferencialmente por um técnico capacitado – a menos que você adquira o HD DOCTOR SUITE (para saber mais, acesse http://www.salvationdata.com/data-recovery-equipment/hd-doctor-portuguese.htm) e se torne um (risos).
No mais, a mensagem de erro mais comumente associada ao setor de boot corrompido é a que exibe na telas os dizeres Operating System not found (SO não encontrado).
As informações do tutorial https://www.youtube.com/watch?v=rTHM9zbj0dw&feature=related poderiam ajudá-lo se o drive fosse reconhecido pelo BIOS, o que parece não ser o caso.
Enfim, na pior das hipóteses, você poderia instalar o disco como slave em outro PC com suporte ao IDE/ATA que esteja carregando o Windows normalmente, de maneira a poder copiar seus arquivos para um dispositivo de armazenamento externo e dali para um novo HD, depois de tornar a instalar seu SO. Trabalhoso, mas fazer o quê?
Se isso não for possível e os dados forem realmente importantes, e você não conseguir resgatá-los nos moldes sugeridos, o jeito será procurar alguma empresa espacializada, que cobra caro, mas costuma obter bons resultados.
Não sei se algo do que eu disse ajudou, mas enfim...
Boa sorte, abraços e até mais ler.

Um Cara disse...

Ajuda muito sim, Fernando. Diante de tantas coisas que estou lendo e pesquisando, me ajuda a formar minhas convicções. Muito obrigado.
Já usei uma case USB (não reconheceu o HD), mas não encontrei o cabo IDE SATA aqui em Paraty. Semana que vem vou a Sampa e tentarei isto.
Só restou duas dúvidas...rs. Quando a MBR tá corrompida, o HD não aparece na Bios, certo? E se eu refizer a MBR, não afeta meus dados no disco, certo?
(Desculpe te fazer perder tanto tempo comigo...rs)
Abração.

Fernando Melis disse...

Oi, de novo, meu caro.
Confesso a você que nunca enfrentei um problema dessa natureza (felizmente), mas acredito que a trilha zero danificada impeça somente a carga do sistema (o que não é pouco, naturalmente), e que seja possível acessar os dados armazenados no drive problemático redefinindo a ordem do boot no Setup (drive óptico antes do HD) e tentando carregar o Windows a partir do DVD de instalação do Seven, embora essa versão permita corrigir problemas que tais sem a mídia na gavetinha. Mas não vamos complicar.
No mais, mantenho minha sugestão de instalar esse HD rebelde como SLAVE num PC “funcional” e a partir dele criar um backup dos seus arquivos importantes e de difícil recuperação.
Vale lembrar que, embora seja baseada na matemática, a informática está mais para uma ciência exotérica do que exata, e a solução de problemas dessa catadura depende do velho método da tentativa e erro, e isso desfavorece um diagnóstico preciso sem acesso direto ao aparelho problemático.
Uma alternativa para conferir o status desse HD é pelo Gerenciador de Dispositivos (sem querer insultar sua expertise, basta pressionar simultaneamente a tecla com o logo do Windows e a tecla R, digitar devmgmt.msc e teclar Enter). Se ele figurar na lista, é porque foi reconhecido, e aí voltamos às sugestões da resposta anterior. Mas não deixe de dar uma boa olhada em http://knowledge.seagate.com/articles/pt_BR/FAQ/168595br.
Para concluir, peço ao amigo que me mantenha informado do resultado, para que a gente possa facilitar a vida de outro infeliz que se depare com um problema afim.
Abraços e até mais ler.

Um Cara disse...

Maravilha, Fernando.
Mantenho informado sim. Só me resta mesmo a opção de ligar o HD como slave num PC e tentar suas dicas e o bem detalhado processo indicado no site da Seagate. Obrigado.
Este HD Doctor Suite é muito interessante mesmo. Custa R$ 3 mil um brinquedo destes...rs. Vou ver se acho alguem que use isto, porque nos labs que consultei o método é mesmo o tradicional - abrir o HD em sala estaticamente limpa, pegar os dados do disco e jogar o HD fora. Preço: a partir de R$ 450 até R$ 2 mil e um HD a menos...rs.
Até mais e bom domingo, cara !!

Fernando Melis disse...

Oi de novo, meu caro.
Valeu. Fico na expectativa e lhe desejo boa sorte.
Abraços e até mais ler.

kleber magalhaes pereira disse...

Isso serve para win8?

kleber magalhaes pereira disse...

Fernando , estou com um problema semelhante, bom a alguns dias vem acontecendo, eu tento ligar o PC aparece q meu HD esta com problema para aperta f1 para continua ,depois quando consigo ligar ele fala pra eu fazer um backup do HD , ai pronto se eu desligar o PC já era tenho q formatalo novamente para conseguir usalo me falarão q pode ser o MBR

Fernando Melis disse...

Oi, Kleber.
Essa dica foi baseada no Seven, e como não foi testada no 8, pode até ser que funcione, mas eu não posso afirmar com certeza.
Com base nas poucas informações que você oferece, só posso sugerir reiniciar o sistema com a mídia de instalação no drive óptico e seguir as instruções do assistente, tomando o cuidado de, em vez de instalar o sistema, escolher a opção de recuperação do mesmo e seguir as instruções nas telas. Se não funionar, leve a máquina até uma autorizado do fabricante, caso ela esteja na garantia, ou numa assistência técnica de confiança, mas não deixe de fazer o quanto antes um backup dos seus arquivos pessoais importantes.
Boa sorte.
[ ] e até mais ler.

kleber magalhaes pereira disse...

Obg eu publiquei o erro no seu google+ com fotos depois de uma olhada

Fernando Melis disse...

Oi, Kleber
Agora ficou mais fácil. A mensagem é do SMART (para saber mais, acesse minha postagem http://fernandomelis.blogspot.com.br/2014/10/smart-smart-e-smart-v2.html).
Sinto informá-lo, meu amigo, que seu HD está "abrindo o bico" em nível de hardware - daí a sugestão de providenciar um backup dos dados antes que seja tarde demais.
Abraços.

Laurentino Vasconcelos disse...


Olá Fernando,

O comando bootrec /fixmbr retornou a mensagem de erro:

"Um dispositivo conectado ao sistema não está funcionando"

O HD foi reconhecido aa BIOS corretamente.
Uma outra aplicação que usei, não me lembro agora, informou "MBR corrompido"

O problema foi ocasionado por falta de energia no momento da reinstala do windows VISTA.

Grato.
Laurentino

Fernando Melis disse...

Oi, Laurentino.
Minha bola de cristal anda meio embaçada, de modo que fica difícil dizer como resolver seu problema sem mais elementos, mas arrisco sugerir que você desligue o PC, desconecte todos os periféricos (impressora, modem, roteador, etc.) e faça uma reinstalação completa, do zero.
Para saber como proceder - até porque eu não sei se você tem um desktop ou um note, nem tampouco se instalou o sistema a partir do DVD original da Microsoft ou recebeu o dito-cujo pré-carregado pelo fabricante, sugiro rever as seguintes postagens:

http://fernandomelis.blogspot.com.br/2013/04/computador-prevencaosolucao-de_15.html;

http://fernandomelis.blogspot.com.br/2013/10/windows-pre-instalado-como-reverter-o.html;

Weslley Nogueira disse...

Olá galera, bom dia a todos.
Estou com meu HD do notebook que não é reconhecido, só aparece em alguns programas como JMicron Corp, mas no windows mesmo não aparece nada, apenas Desconhecido. Não levou queda, apenas fui formata-lo e aconteceu isso, ficou como se n tivesse sistema de arquivos, sem partição, mas ele tem duas partições.
Se puderem me ajuda a recuperar pelo menos os arquivos, a peça em si chega a ser insignificante neste momento. abaixo estão duas telas de como aparece aqui, tanto no gerenciamento de disco como no programa partition recovery - mini tools

![gerenciamento de disco][1]


![minitools][2]


[1]: http://i57.tinypic.com/k1rxir.png
[2]: http://i57.tinypic.com/14uj40k.png

Weslley Nogueira disse...

aqui está as imagens
http://i.imgur.com/m1azfD4.png
http://i.imgur.com/ZASE3QA.png

Fernando Melis disse...

Oi, Wesley.
Você não informa a marca e o modelo do note nem tampouco o sistema operacional que utiliza, o que dificulta encontrar a solução sem acesso direto ao aparelho. Ainda assim, certifique-se primeiramente de que o cabo lógico do HD esteja bem conectado. Caso afirmativo, veja se alguma dica do link a seguir resolve seu problema: http://bit.ly/1KekFaL.
Qualquer coisa, volte a escrever.
Abraços e até mais.

edileuza disse...

O que significa os últimos comandos que você publicou para colocar no prompt durante a tela de reparação .. Ele formatara na trilha zero fernando?

Fernando Melis disse...

Oi, Edileuza.
O processo sugerido se destina a reconsturir o setor de boot do disco rígido e evitar que a impossibilidade de acesso às partições exija a reinstalação do sistema e outras providências bem mais trabalhosas. No entanto, as chances de êxito variam caso a caso, até porque existem diversos fatores capazes de comprometer o resultado. Mas, como diz um vleho ditatdo, quem precisa não tem escolha. E mesmo não havendo garantias de que dê certo, não se perde nada em tentar.
Para mais detalhes sobre os comandos, acesse a página https://support.microsoft.com/pt-br/kb/927392.