segunda-feira, 18 de novembro de 2013

CHROME E SHOCKWAVE FLASH – SOLUÇÃO DE PROBLEMAS

GATO QUE PERSEGUE DOIS RATOS ACABA COM FOME.

Embora venha liderando o ranking mundial dos navegadores, o Google Chrome não é 100% seguro ou isento de problemas (aliás, nenhum programa é), e uma de suas aporrinhações mais comuns tem a ver com o plugin Shockwave Flash – usado na exibição de vídeos a partir da Web –, que pode gerar conflitos quando já existe uma versão do Flash instalada.
Para solucionar esse imbróglio, abra o Chrome, digite about://plugins na caixa de endereços, tecle Enter, e veja se, na lista de plugins, há duas versões do Flash.
Caso afirmativo, observe o item “Local”: a versão do Chrome fica em C:\Users\Nome\AppData\Local\Google\Chrome) e a versão do sistema, em C:\Windows.
Clique sobre a versão interna do Chrome, clique em Desativar, reinicie no navegador e confira o resultando acessando um site que exija o Flash, como o do YouTube.

Boa sorte e até mais ler. 
Postar um comentário