terça-feira, 19 de maio de 2015

BONS APLICATIVOS SÃO, NECESSARIAMENTE, PROGRAMAS PAGOS - MITO OU VERDADE?

O PERIGO ESTÁ NOS DETALHES.

BONS APPs SÃO, NECESSARIAMENTE, PROGRAMAS PAGOS?

Conforme eu disse em outras postagens (e na edição sobre freewares que meu então parceiro Robério e eu publicamos quando editávamos a COLEÇÃO GUIA FÁCIL INFORMATICA, em meados da década passada), há muitos programinhas gratuitos que pouco ficam devendo a seus correspondentes pagos.

Vale relembrar que, nos primórdios da computação pessoal, o software era distribuído livremente ─ até porque o valor real dos computadores estava no hardware ─, mas o crescimento da indústria de TI fez com que ele passasse a ser comercializado separadamente. Hoje em dia, os programas se dividem (basicamente) em duas categorias:

Os livres (open source, ou de código aberto) são disponibilizados no modo fonte e podem ser copiados, adaptados, modificados, aprimorados e distribuídos pelos próprios usuários; 

Os proprietários são distribuídos no modo binário e, para utilizá-los, os interessados devem concordar expressamente com os termos da licença que define o que pode ou não ser feito com eles (note que nem todo software livre é gratuito e nem todo software gratuito é livre).

Os FREEWARES, por sua vez, são programas proprietários, mas que podem ser baixados, instalados e utilizados sem qualquer ônus, conquanto seus códigos-fonte permaneçam protegidos. Trata-se de uma estratégia de marketing mediante a qual o desenvolvedor não cobra pelo software, mas incentiva o usuário a migrar para a versão paga, que geralmente conta com mais recursos e funções. 

ObservaçãoNão confunda freeware com shareware, que é uma modalidade de distribuição na qual os programas podem ser baixados, instalados e utilizados experimentalmente por um prazo pré-definido, ao final do qual deve-se licenciá-los para que eles continuem funcionando. Uma de suas grandes vantagens é a celeridade, pois os interessados têm acesso ao produto no ato, sem amargar a indefectível espera inerente à aquisição via e-commerce (via de regra, a chave de ativação chega por email minutos depois de o pagamento da licença ser confirmado).

Abraços a todos e até a próxima.
Postar um comentário