terça-feira, 23 de junho de 2015

WINDOWS 7 - MAIS DICAS, TRUQUES E MACETES

PENSE NO AMANHÃ, MAS VIVA O DIA DE HOJE COMO SE FOSSE O ÚLTIMO.

      Se a execução de um programa acarretar uma lentidão anormal ao sistema e você não conseguir encerrá-lo através do Gerenciador de Tarefas, recorra ao SUPER F4. Caso não disponha dessa ferramenta, dê um clique direito na Barra de Tarefas, selecione Gerenciador de Tarefas, clique em Processos > Mostrar processos de todos os usuários > CPU, dê um clique direito sobre o item que exibe o maior consumo de recursos, selecione Definir afinidade e limite seu acesso a somente um núcleo do processador.

·  Se o seu navegador demora muito para abrir, acesse suas configurações, selecione complementos (ou extensões, ou ainda plug-ins), desabilite todos os itens, reinicie o programa e veja a diferença. Para identificar o responsável pelo problema, habilite os elementos um de cada vez, reinicie o browser e avalie seu comportamento após cada modificação. Quando a lentidão ressurgir, você saberá quem foi o responsável e poderá desabilitá-lo ou removê-lo definitivamente.

·   Além do Windows firewall, o Seven conta com o Windows Defender, que oferece proteção pró-ativa contra vírus, spywares e afins e permite realizar varreduras por demanda, mas, na opinião de muitos especialistas, eles não protegem tão bem o sistema quanto os produtos da Symantec, McAfee, Kaspersky, F-Secure e outras renomadas empresas de segurança digital. Então, se você resolver montar seu arsenal de defesa com produtos de varejo, poupe recursos do sistema desabilitando os recursos nativos (isso pode ser feito facilmente através do Painel de Controle).

·   Esta dica é velha como a serra, mas tem muita gente que não a conhece: se você quiser reduzir o tempo que os menus do Windows levam para se expandir, digite regedit na caixa do menu Executar, pressione Enter, expanda a chave HKEY_CURRENT_USER e a pasta Control Panel, dê duplo clique em Desktop, reduza o valor de MenuShowDelay (que por padrão é 400ms) para algo em torno de 100ms e reinicie o computador. Só não exagere, pois valores abaixo de 50ms podem dificultar a seleção dos submenus, e tenha em mente que essa reconfiguração não afeta o desempenho do sistema em si, somente acelera a exibição dos menus, proporcionado uma a sensação de maior agilidade na navegação.

·   Muitas atualizações do Windows só são validadas após a reinicialização do computador, mas não é sempre que você está disposto a interromper o que está fazendo, e ficar adiando o reboot automático de tempos em tempos enche os pacová. Então, tecle WIN+R para abrir o menu Executar, digite regedit na respectiva caixa de diálogo e pressione Enter. Expanda a chave HKEY_LOCAL_MACHINE, navegue por SOFTWARE\Policies\Microsoft\Windows e confira se esta última contém uma subpasta chamada pasta WindowsUpdate\AU. Caso ela não exista, dê um clique direito sobre a pasta Windows, clique em Novo > Chave, dê à pasta que será criada no painel esquerdo o nome de WindowsUpdate, crie uma nova pasta dentro dela, nomeie-a como AU, selecione-a, crie um novo valor DWORD 32-Bit, mude seu nome de Novo Valor #1 para NoAutoRebootWithLoggedOnUsers, dê duplo clique sobre ele, altere o parâmetro para 1 (um) e reinicie o computador. A partir daí, você será avisado de que sistema precisa ser reiniciado, mas deixará de ser pressionado a realizar o procedimento.

Abraços a todos e até amanhã.
Postar um comentário