quinta-feira, 19 de novembro de 2015

NOVA BRECHA DE SEGURANÇA NO ANDROID DEIXA SMARTPHONES E TABLETS VULNERÁVEIS À AÇÃO DE CIBERCRIMINOSOS

A CURIOSIDADE MATOU O GATO, MAS A SATISFAÇÃO O RESSUSCITOU.

Não é novidade para quem lê minhas desvaliosas matérias que o uso de computadores e dispositivos móveis capazes de acessar a Internet requer muito cuidado, pois basta abrir um arquivo executável malicioso, clicar num link suspeito ou simplesmente navegar por um site “contaminado” pelos cibercriminosos para ter um bocado de dor de cabeça.

Na esfera das PC convencionais, o Windows, por ser o sistema operacional mais utilizado em todo o mundo, é também o mais visado pela “turminha do mal”; no âmbito dos smartphones e tablets, quem se destaca é o Android, e ainda que os maiores riscos estejam na instalação descuidada de apps, não raro surge uma brecha de segurança para tirar o sono dos usuários mais conscientes — os demais só “deixarão de dormir” quando for tarde demais, e aí não adianta chorar.

Passando ao que interessa, foi descoberta recentemente uma vulnerabilidade que afeta praticamente todas as versões do sistema operacional do Google. Assim, para que um aparelho se torne vítima de um criminoso, basta o usuário seguir um link com o código malicioso que garante ao atacante total controle do aparelho. De acordo com site britânico de tecnologia The Register, a tal vulnerabilidade foi descoberta por Guang Gong, da empresa de software de segurança Qihoo 360, e divulgada durante a conferência da PacSec em Tóquio. O problema está ligado diretamente à manipulação do Java Script, que está presente em todos os smartphones e tablets.

Esta não é a primeira vulnerabilidade encontrada no sistema Android, embora chame a atenção pelo fato de um aparelho pode ser infectado com apenas um link. O jeito é redobrar os cuidados e esperar que o Google desenvolva e disponibilize a correção com a possível urgência.

Barbas de molho, pessoal. Bom feriadão e até segunda, se Deus quiser.
Postar um comentário