quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

MICROSOFT ADOTA PLANO AGRESSIVO PARA A ADOÇÃO DO WINDOWS 10

ÀS VEZES, ESTAMOS PRÓXIMOS DEMAIS DE ALGUMA COISA PARA ENXERGÁ-LA.

Se você continua usando o confiável Seven (ou o Eight) e vem “toureando” a telinha que o concita insistentemente a fazer o upgrade, saiba que, conforme eu adiante nesta postagem, dentro dos próximos dias a Microsoft deve adotar uma política “mais agressiva”, digamos assim, para “estimular” a adoção do Windows 10.  

A empresa de Redmond começou a disponibilizar gratuitamente o update para seu mais novo rebento em Julho do ano passado, com a ideia de alcançar, em poucos meses, a marca do bilhão de atualizações. No entanto, até o presente momento o número de upgrades mal passou de 200 mil, e muito embora a mãe da criança afirme orgulhosamente que a nova edição do Windows vem sendo adotada mais rapidamente do que qualquer uma das anteriores, na prática a teoria é outra.

Vale lembrar que, no caso do seu sistema ser atualizado e você não ficar satisfeito, terá 30 dia para reverter ao status quo ante (mais detalhes nesta postagem) e que o período promocional durante o qual a evolução é gratuita termina em julho de 2016.


Barbas de molho, pessoal.
Postar um comentário