sábado, 4 de novembro de 2006

Backups - Parte 1

Atendendo ao pedido da Lúcia e considerando o tema por ela suscitado como de interesse geral, vou aproveitar a postagem deste sábado para falar um pouco sobre o backup de dados. Afinal, dizem que os usuários de PCs se dividem em duas categorias: a dos que já perderam dados importantes e a dos que ainda vão perder (piadinha de humor negro, mas que nem por isso deixa de encerrar conceitos verdadeiros).
Sabemos que as informações armazenadas no computador podem se perder por diversas razões (dentre outras, quedas inesperadas no fornecimento de energia, sobretensões da rede elétrica, tempestades com relâmpagos ou mesmo falhas físicas de componentes do equipamento, notadamente o disco rígido). Assim, é muito importante fazer backups regulares dos arquivos, sobretudo antes de proceder a qualquer alteração no sistema (instalação de novo hardware, atualização de drivers ou de firmware e edições do Registro) e mantê-las disponíveis.
A decisão sobre quais arquivos serão incluídos no backup é personalíssima, mas, via de regra, tudo aquilo que não pode ser facilmente substituído ou reposto deve figurar no topo da lista (dados bancários e outras informações financeiras importantes; fotos e músicas digitais; arquivos de instalação de softwares comprados e baixados da Internet; lista de e-mails dos nossos contatos e os links para os sites favoritos no Internet Explorer, por exemplo).
Igualmente importante é armazenar esses arquivos fora do computador, isto é, gravá-los em CDs, DVDs, pen-drives ou outro dispositivo de mídia removível, ou mesmo mandá-los para um disco virtual. Uma cópia armazenada noutra partição do HD pode ser útil no caso de ser preciso formatar a unidade de sistema e reinstalar o Windows, mas não servirá de nada se o disco simplesmente "abrir o bico". Dependendo da relevância dos dados envolvidos, talvez valha a pena criar múltiplas cópias e manter cada uma delas em locais separados.
Para fazer backup da maioria dos arquivos e/ou pastas, basta transportá-los para outro local de armazenamento, o que pode ser feito facilmente através dos recursos de copiar e colar oferecidos pelo Windows, independentemente da versão do seu sistema. Para fazer isso:

1. Dê um clique direito no arquivo ou pasta de que deseja fazer o backup e, em seguida, clique em Copiar no menu.
2. Em Meu Computador, dê um clique direito na partição, disco rígido externo ou dispositivo de mídia removível onde você deseja armazenar a cópia de backup e, então, no menu suspenso que irá surgir, clique em Colar.

Numa próxima oportunidade, veremos com usar a ferramenta nativa do Windows XP Professional para copiar arquivos, configurações etc. Veremos ainda como instalar esse recurso no XP Home e como fazer backups em CDs. Até lá.
Postar um comentário