segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

Dicas de busca

Para a maioria dos internautas, o nome “Google” é sinônimo de pesquisa na Web, embora a empresa também ofereça uma penca de outros serviços (mais de 100), sem mencionar que existem diversos mecanismos de busca além do Google Search, dentre os quais o AltaVista, o Cadê, o MSN, o Yahoo!, e assim por diante...
Passando direto ao ponto, todo mundo sabe que, para pesquisar no Google, basta acessar o site http://www.google.com.br/, entrar com a palavra-chave (ou palavras, conforme o caso), definir os parâmetros da pesquisa (toda a Web, apenas páginas em Português ou somente páginas do Brasil) e pressionar a tecla <Enter> (ou clicar no botão “Pesquisa Google”, tanto faz) para que o serviço apresente uma porção de ocorrências relacionadas ao assunto pesquisado, classificas por ordem de relevância.
Entretanto, nem sempre as primeiras sugestões correspondem exatamente àquilo que a gente deseja (às vezes, é preciso clicar em diversos links, ou mesmo vasculhar as páginas seguintes), de maneira que não custa rever algumas dicas que ajudam a ganhar tempo e a aumentar as chances de encontrar logo de cara as ocorrências mais pertinentes. Confira:

1 – Habitue-se a utilizar os links que se encontram à direita da caixa de busca (eles permitem configurar manualmente alguns parâmetros da pesquisa - por idioma, data, formato de arquivo, e assim por diante -, definir preferências globais e acessar ferramentas de tradução de texto).

2 – Procure ser específico e tome cuidado para não cometer erros de digitação ao escrever a(s) palavra(s)-chave. Por exemplo, se você estiver procurando lojas que vendam insumos e utensílios para jardinagem na cidade de Guarulhos, escreva Jardinagem + Guarulhos, ou Loja + Jardinagem + Guarulhos. Já se você substituir o sinal de adição pelo de subtração (antes da palavra Guarulhos, no nosso exemplo), o sistema excluirá dos resultados as lojas de jardinagem situadas em Guarulhos.

3 – Embora o buscador não faça distinção entre letras maiúsculas e minúsculas (dá na mesma escrever JARDINAGEM, jardinagem ou Jardinagem), procure grafar as palavras no singular e com os respectivos acentos gráficos, pois o sistema se encarregará de oferecer também eventuais sugestões no plural e sem acentos.

4 – No caso de utilizar uma frase como parâmetro de busca, coloque-a entre aspas, e o sistema retornará ocorrências que contenham exatamente aquilo que você digitou, e naquela ordem (essa técnica é muito utilizada por professores, para verificar se os trabalhos dos alunos foram copiados da Web).

5 – Outro recurso interessante consiste em inserir a palavra “define:” – sem as aspas e seguida por dois pontos (:) – antes do termo a ser pesquisado. Por exemplo, se você quiser obter uma definição de PROCESSADOR, escreva define: processador (na maioria das vezes, os resultados dessa modalidade de busca remetem à Wikipédia).

OBSERVAÇÃO: Essas dicas foram extraídas do volume 21 da Coleção Guia Fácil Informática, no qual o Robério (com sua licença, compadre) nos brinda com um tutorial detalhado da instalação, configuração e utilização do Chrome, bem como aborda diversos serviços oferecidos pelo Google (GMail, Google Maps, Google Docs, Google Agenda e outros mais).
Boa semana a todos.
Postar um comentário