terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Compras de final de ano (continuação)

A sensível queda do preço dos microcomputadores vem se estendendo também aos portáteis, permitindo que muita gente realize o sonho de ter um notebook (ou laptop, que dá no mesmo). Mas nem por isso esses aparelhos podem ser considerados baratos (especialmente os modelos mais robustos, com configurações top de linha, cujo preço ultrapassa facilmente a casa dos 5.000 reais). Então, veja primeiro quanto você está disposto a gastar, para depois conciliar o preço com uma configuração que realmente atenda suas expectativas e necessidades.
Basicamente, quem compra um note tanto pode querer um equipamento leve e de dimensões reduzidas – fácil de transportar e de utilizar em trânsito – quanto um modelo capaz de substituir o Desktop e acabar com aquela incomodativa “macarronada” de fios que se enovelam sob a mesa.
No primeiro caso, além das características do processador, quantidade de memória, espaço e velocidade do HD, você deve levar em conta o tamanho da tela, os recursos gráficos e de conectividade, o peso do aparelho e a autonomia da bateria – cujo tempo informado pelos fabricantes tende a ser maior do que aquele que você conseguirá obter, visto que as medições são feitas em “condições ideais” que dificilmente serão reproduzidas no uso diário. Não corra para as lojas sem antes visitar os sites da Asus, HP, Acer e Positivo, que oferecem excelentes opções de minilaptops com telas entre 7 e 10 polegadas combinadas com teclado confortável, custo baixo e leveza.
Já se a idéia for substituir o computador de mesa, a performance é mais importante que o peso, as dimensões e a autonomia do micrinho. Procure um modelo com plataforma Intel Centrino 2, placa de vídeo com GPU e memória dedicada, HD robusto e gravador de DVD (até porque upgrades em notes costumam ser bem mais caros e complicados do que em Desktops, sem falar que a substituição do sistema operacional “a posteriori” também costuma apresentar dificuldades (caso você não abra mão do Windows, não hesite em gastar um pouco mais num portátil com o sistema pré-instalado pelo fabricante).
Amanhã tem mais.
Abraços e até lá.
Postar um comentário