quinta-feira, 30 de agosto de 2007

Sutilezas do E-MAIL - Final

Para concluir este estudo sobre o e-mail, veremos a seguir alguns dos (muitos) percalços que sujeitam uma mensagem enviada para destinatários de outro domínio (fora da LAN do remetente) - e, ao final, aquele filminho fantástico (colhido do site warriorsofthe.net) que sintetiza de maneira magistral as noções apresentadas nesta seqüência de postagens.

Depois que passam pelo roteador, os pacotes precisam atravessar o firewall. Para quem ainda não sabe, o firewall é uma camada (de hardware ou de software) destinada a proteger a rede de ameaças externas, mas alguns modelos podem também filtrar os pacotes, bloquear eventual conteúdo não autorizado - como arquivos executáveis ou pornografia, por exemplo -, comunicar o fato ao administrador da rede e até mesmo fornecer o endereço IP da máquina do usuário que gerou a informação indevida.
Vencida a barreira do firewall, os pacotes seguem para o modem - dispositivo responsável por conectar a LAN (ou um PC isolado, conforme o caso) à infra-estrutura da operadora de telecomunicações. Essa nova etapa também envolve riscos de perdas, e pode retardar, conseqüentemente, a chegada das informações ao provedor.
Depois que chegam aos servidores do provedor, os pacotes são despachados para a Internet - uma grande teia formada por milhares de redes de computadores, cada qual com características, sistemas operacionais e políticas de tráfego distintas. E ainda que a inteligência da rede procure enviá-los pelo caminho mais curto (razão pela qual um e-mail pode demorar poucos segundos para cruzar o planeta), esse caminho estar congestionado ou simplesmente inoperante (vale lembrar que os roteadores precisam estar funcionando para que os pacotes sejam encaminhados corretamente).

Numa situação ideal, todos os pacotes que compõem a mensagem deveriam seguir o mesmo trajeto, mas, na prática, eles tomam rotas aleatórias. E como o computador de destino precisa aguardar a chegada de todos os pacotes para remontar a mensagem e depositá-la na caixa postal do destinatário, quanto mais complexo for o trajeto - e mais roteadores e switches manipularem os pacotes - maiores as chances de algo dar errado (e o extravio de um único pacote de informação irá requerer uma nova remessa e acarretar novos riscos).
Quando chegam ao domínio do destinatário do e-mail, os pacotes encontram outro firewall, e só ultrapassarão essa nova barreira se forem compatíveis com as políticas de segurança definidas para eles - tais como o tipo de arquivo, o tipo de conteúdo e até o tipo de porta: a porta 25, por exemplo, é de uso exclusivo de pacotes de e-e-mail; se, por alguma razão, os pacotes do nosso hipotético e-mail tentarem utilizar uma porta diferente, o firewall irá bloqueá-los, e a mensagem acabará não sendo entregue.
Transposta mais essa barreira, os pacotes serão tratados por outro roteador, que irá encaminhá-los a seu destino final, onde a mensagem será remontada e entregue na caixa postal do destinatário. Mas como se não bastassem todos esses obstáculos, existem ainda outros processos capazes de retardar a entrega de um e-mail, e um deles é o antivírus.
Ao longo da jornada, nosso intrépido e-mail terá de passar por pelo menos dois antivírus – o da máquina do remetente e o da máquina do destinatário (ter um antivírus ativo e operante é fundamental para a segurança do sistema; nem pense em desabilitá-lo para apressar o envio/recebimento das mensagens). E se, além do antivírus, os computadores de origem e de destino contarem com programas anti-spam ou filtros de conteúdo, novas checagens serão realizadas, e cada uma delas acarretará um retardamento adicional que, no cômputo geral, resultará em muitos segundos "perdidos".

Para finalizar, segue o link para o filminho de 13 minutos (com narração em português) que vimos prometendo desde o post de terça-feira: http://ftp.warriorsofthe.net/mirror/warriors-700-br-VBR.mpg. Basta clicar sobre ele para que seu WMP seja aberto e dê início à exibição (se tiver problemas com o link, navegue até http://www.warriorsofthe.net/index.html, clique em "Download Movie", escolha a opção "in Portuguese (Brazilian)" e clique em "site C").
Espero que gostem.


Abraços e até amanhã.
Postar um comentário