segunda-feira, 29 de janeiro de 2007

Monitores de Vídeo

Se Papai Noel não lhe trouxe de presente um monitor LCD, não perca as esperanças. Quem sabe você possa fazer um acordo com o Coelhinho da Páscoa para substituir seu anacrônico, volumoso e pesado CRT por uma fina e elegante tela de cristal líquido.
Há cerca de quatro anos, a gente publicou uma matéria sobre monitores de vídeo (que meu parceiro Robério batizou como "Os olhos do PC") na revista PC Turbo, onde prevíamos (sem quaisquer poderes paranormais ou bola de cristal) que o LCD seria "a tecnologia do futuro". E parece que o futuro já chegou: a progressiva (e expressiva) queda de preços desses monitores já faz deles a opção indicada para quem está modernizando seu equipamento ou comprando um PC novinho em folha.
Vale lembrar que a qualidade da imagem exibida pelo monitor, seja ele CRT ou LCD, depende em grande parte da placa de vídeo (ou do chipset da placa-mãe do PC, no caso de o vídeo ser onboard). Por isso, é recomendável utilizar sempre os drivers fornecidos pelos fabricantes - em suas versões mais recentes.
Para quem ainda não sabe, drivers são programinhas que funcionam como "ponte" entre o sistema operacional e os dispositivos de hardware do computador. O Windows dispõe de um vasto banco de drivers nativos e é capaz de instalar e fazer funcionar a maioria dos componentes existentes no mercado, mas nem sempre da maneira mais adequada ou com a plenitude de seus recursos.
Para conferir se seu sistema está operando com os drivers de vídeo apropriados, dê um clique direito em Meu Computador, selecione Propriedades, clique na aba Hardware e no botão Gerenciador de Dispositivos.
Feito isso, dê duplo clique na entrada para sua placa gráfica (sob Adaptadores de Vídeo), clique na aba Driver e no botão Atualizar Driver.
Aproveite o embalo para checar também a possível existência de algum ponto de exclamação/interrogação em vermelho ou amarelo ao lado de quaisquer dos itens do Gerenciador (eles denotam incompatibilidades, fata de drivers adequados e outras irregularidades). Se houver, verifique do que se trata e resolva o problema o quanto antes.
Amanhã a gente prossegue nesse assunto.
Bom começo de semana a todos.
Postar um comentário