quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Desligar ou Reiniciar?

A popularização do uso de PCs e outros eletro-eletrônicos fez com que termos como "reset", "reboot" e "reinicialização" se integrassem aos nossos dicionários. E não é para menos: seja quando nossa conexão com a internet cai, seja quando o sistema operacional trava (apenas para citar duas situações bastante comuns), costumamos desligar e religar o modem e/ou o computador para que "o bonde volte aos trilhos".
Isso acontece porque esses aparelhos são controlados por softwares - que são carregados e executados em chips de memória volátil, os quais, por sua vez, servem para armazenar dados e outras configurações. Quando tais informações "se embaralham" (por razões que agora não vêm ao caso discutir), o sistema fica instável ou trava completamente, mas geralmente volta ao normal (felizmente) quando a máquina é desligada e torna a ser ligada alguns minutos depois.
É importante salientar que reiniciar o sistema não é a mesma coisa que desligar o computador e tornar a ligá-lo. Ainda que a reinicialização encerre o Windows e desligue o computador, o boot torna a ser executado quase que imediatamente. E como alguns capacitores existentes nas placas de circuito continuam fornecendo energia durante alguns segundos, isso pode impedir que as memórias voláteis sejam totalmente "limpas". O desligamento, por sua vez, faz com que os capacitores esgotem totalmente suas reservas de energia; mesmo que você pressione o botão "Power" logo em seguida, o tempo transcorrido entre uma e outra ação costuma ser maior do que na reinicialização, permitindo que a limpeza das memórias seja completa.
Para solucionar panes e travamentos - caso seja mesmo necessário reiniciar o computador (utilize o campo "Pesquisar Blog" para localizar outras soluções para essas anormalidades) -, mesmo que você consiga operar o mouse e/ou o teclado, evite o caminho Iniciar > Desligar o computador > Reiniciar, e resista à tentação de pressionar o botão "Reset", no painel frontal do gabinete. Escolha, isso sim, a opção "Desativar" - ou, não sendo possível, pressione o botão "Power" (pode ser preciso mantê-lo pressionado por cerca de 5 segundos) - e aguarde alguns minutos antes de religar a máquina (vá tomar um cafezinho ou coisa parecida).
Já quando atualizamos o Windows ou instalamos/removemos/atualizamos softwares, podemos ser convidados a reiniciar o computador (pois determinadas alterações atuam sobre o Registro ou requerem a interrupção de processos e serviços que rodam em segundo plano e, às vezes, não podem ser bloqueados). Nessa situação, todavia não há problema em seguir o caminho menu Iniciar > Desligar > Reiniciar, ou simplesmente pressionar o botão "Reset".
Para finalizar, não custa mencionar que o desligamento e posterior religamento pode restabelecer também a funcionalidade de telefones celulares. Às vezes, esses aparelhos assumem comportamentos instáveis, modificam configurações, deixam de tocar ao receber chamadas, e por aí vai. Se isso acontecer, além de desligar seu telefone, remova também a bateria e aguarde uns cinco minutos antes de reinstalá-la e tornar a ligar o aparelho.
Bom dia a todos.
Postar um comentário