segunda-feira, 13 de outubro de 2008

Se funciona com os ursos...

..., a hibernação pode funcionar também com seu computador.

Antes de entrar nesse assunto, todavia, vale lembrar que amanhã é a segunda terça-feira de Outubro, dia de Patch Tuesday, quando a Microsoft deve liberar onze atualizações de segurança (4 delas críticas) visando corrigir vulnerabilidades no Internet Explorer, Excel, Windows Active Directory e no Microsoft Host Integration Server.

Voltando agora à hibernação, o tempo que uma máquina leva para dar o boot e carregar o Windows varia em função de seus recursos de hardware e da versão e configuração do sistema, dentre outros fatores, mas geralmente não passa de um minuto. Mesmo assim, muita gente acha esse minuto uma eternidade, e está sempre procurando maneiras de apressar a inicialização do sistema.
Dentre diversos truques e macetes, você poupar alguns segundos configurando o logon automático, por exemplo, reduzindo o número de aplicativos que são ativados junto com o Windows via msconfig , habilitando o Quick Post e configurando o HD como primeira opção de boot via CMOS Setup (sirva-se do campo Pesquisar Blog para acessar postagens com informações detalhadas sobre essas dicas).
Não obstante, a hibernação costuma ser uma solução eficiente, até porque agiliza também o encerramento do sistema e o desligamento do computador (quando o sistema é posto para hibernar, o conteúdo da RAM é copiado para uma área específica do disco rígido, e o fornecimento de energia é suspenso; você pode inclusive desligar o estabilizador). Ao religar a máquina, o Windows é carregado bem mais rapidamente do que no boot convencional, e as aplicações que estavam sendo executadas retornam no exato ponto em que você as deixou.
Infelizmente, nem todo computador oferece suporte à hibernação. Para avaliar seu caso específico, faça logon no XP como administrador, dê um clique direito num ponto vazio da Área de Trabalho, selecione Propriedades, clique em Proteção de Tela e no botão Energia. Feito isso, veja se a tela das Propriedades de Opções de Energia contém uma guia (aba) chamada Hibernar. Caso afirmativo, clique nessa guia, confira se sua máquina satisfaz os requisitos necessários para Hibernação, marque a caixa Ativar Hibernação e veja se não surge nenhuma indesejável mensagem de erro. Depois desse ajuste, sempre que você clicar em Iniciar > Desligar o computador e pressionar a tecla <Shift>, a opção "Em espera" mudará para "Hibernar", agilizando sensivelmente o desligamento e a reinicialização do sistema (ao ser posto em espera - ou stand by - o sistema não é desligado completamente, mas sim colocado num modo de consumo reduzido de energia, muito útil quando deixamos a máquina ociosa durante certo tempo, como no horário de almoço, por exemplo).
Note que o retorno da hibernação pode gerar eventualmente uma mensagem de erro do tipo "A REINICIALIZAÇÃO DO SISTEMA FOI INTERROMPIDA: CONTINUAR A REINICIALIZAÇÃO DO SISTEMA; EXCLUIR DADOS DE RESTAURAÇÃO E PROSSEGUIR PARA O MENU DE INICIALIZAÇÃO DO SISTEMA", que ocorre quando o computador acessa um instantâneo corrompido da memória (para resolver o problema, selecione a opção "Excluir dados ... etc.", que leva a máquina a uma inicialização normal).
Note também que, de tempos em tempos, convém desligar normalmente o computador e realizar um boot convencional, para que a memória RAM seja completamente esvaziada (faça isso semanalmente, ou sempre que sentir uma redução siginificativa no desempenho do sistema).
Bom dia a todos.
Postar um comentário