quarta-feira, 9 de setembro de 2009

3º Aniversário do Blog

Como hoje é o terceiro aniversário do nosso Blog, achei por bem aproveitar o ensejo para publicar (mais uma vez, dirão meus leitores assíduos) aquela resenha de informações destinadas a familiarizar os recém-chegados com os principais recursos e funcionalidades aqui do site:

1. As quase 900 postagens já publicadas podem ser revisitadas a qualquer momento (elas são exibidas por ordem data, das mais recentes para as mais antigas). Você só precisa rolar a tela para visualizar as últimas sete edições e, ao final, clicar no link “Postagens mais antigas” para acessar os 20 posts imediatamente anteriores (e assim sucessivamente). Quando quiser retornar à postagem do dia, use o botão “Voltar” do navegador ou clique no título do Blog.

2. Ainda que seja possível retroceder até a primeira postagem do site via “Postagens mais antigas”, é mais fácil usar o campo “Arquivo do blog” (na coluna à direita, logo abaixo dos ícones dos seguidores do site) para acessar as matérias publicadas nos meses (ou anos) anteriores, pois ele contém links para os títulos postados no mês em curso, para os demais meses deste ano e para os anos anteriores.

3. Clicando num título qualquer, você será remetido à respectiva postagem; clicando num determinado mês, terá acesso a todos os posts daquele período; clicando num dos anos disponíveis, a página exibirá as últimas 50 matérias do ano em questão (e se clicar em “Postagens mais antigas”, você verá um novo bloco com as 50 edições imediatamente anteriores, e assim por diante).

4. Para localizar assuntos específicos, uma opção é inserir a(s) palavra(s)-chave na caixa localizada no canto superior esquerdo do Blog e clicar no botão “Pesquisar Blog” (esse recurso funciona de maneira semelhante à do serviço de busca do Google, conquanto restrinja a pesquisa às matérias publicadas aqui no site e não ande lá muito confiável atualmente). Note que os resultados podem variar conforme a grafia de determinados termos: “vírus” e “vírus” (com e sem acento) retornam postagens diferentes, da mesma forma que “e-mail” e “email”, “on-line” e “online”, e assim por diante. Caso nenhum resultado corresponda às suas expectativas, experimente rolar a tela até a última postagem e clicar no link “Postagens mais antigas” (embora o melhor mesmo seja revisitar o Blog e pesquisar as postagens, uma a uma).

Observação: As “tags” que aparecem no final das postagens também servem para redirecionar o leitor a outras matérias sobre o mesmo assunto, mas eu comecei a utilizar esse recurso há pouco mais de um mês e ainda não me animei a revisitar as postagens antigas para inserir marcações em cada uma delas.

5. Para interagir com o Blog, você pode inserir comentários em qualquer postagem e a qualquer tempo. Basta clicar no link “comentários” – que aparece no final de cada edição – e selecionar uma das opções disponíveis (conta do Google, anônimo, etc.). Esse link também permite ler os recadinhos deixados por outros visitantes, caso existam, e as respostas que eu lhes ofereci (sempre que você deixar um comentário num post antigo, lembre-se de retornar até lá para tomar conhecimento da resposta). Caso queira me enviar um e-mail, clique em “Visualizar meu perfil completo” (na parte inferior do primeiro campo da coluna à direita, logo acima dos ícones dos seguidores do Blog) e, na página que irá se abrir em seguida, clique em “email”, no campo “Contato” (isso fará com que seu programa de correio eletrônico abra automaticamente uma nova mensagem com meu endereço no GMail já preenchido no campo “Para:”).

6. A “frase de pé de página” não fica mais no “extremo sul”, mas sim "ao norte" da página, logo abaixo do cabeçalho (fiz essa mudança no layout porque a maioria dos visitantes não se davam ao trabalho de rolar a tela até o final para conferí-la, e também porque eu me esquecia frequentemente de mudá-la).

Para finalizar, agradeço a todos que me honraram com suas visitas e comentários nesse triênio, e espero continuar merecendo seu carinho e atenção.

Em tempo: No dia 23 do mês passado, o Blogger completou dez anos de existência. O serviço - criado pela PyraLabs em 1999 e comprado pelo Google quatro anos depois - foi um dos primeiros a oferecer interface semelhante à dos editores de texto e a permitir que leigos em HTML criassem sites e postassem links e imagens em seu conteúdo.
Parabéns ao Blogger e muito obrigado ao Google - por continuar oferecendo gratuitamente essa valisosa ferramenta.
Postar um comentário