quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Desfragmentação do Registro e outros que tais

Conforme já vimos, o “Registro” é um importante repositório de informações e configurações que o Windows consulta a cada inicialização. Ele armazena dados essenciais sobre o SO, hardware, programas instalados e perfis dos usuários que o sistema utiliza e salva (com as eventuais alterações) ao final de cada sessão.
No XP, esse “banco de dados” é composto por cinco chaves principais (nas versões 98/ME, elas eram seis), com subchaves, seções e entradas de valores – que crescem conforme fazemos reconfigurações e instalamos novos programas, por exemplo, bem como pelo acúmulo de DLLs duplicadas e dos resíduos oriundos de desinstalações mal feitas ou incompletas.
Manter o Registro em ordem é essencial para o bom desempenho do sistema, mas a Microsoft, por qualquer razão incerta e não sabida, não oferece uma ferramenta nativa para esse fim. E como fazer o serviço manualmente através do Editor do Registro é impensável, já que seria preciso esquadrinhar e manipular milhares e milhares de entradas, resta recorrer a programas de terceiros – já analisamos e sugerimos uma porção deles, como você pode conferir através do campo Pesquisar do Blog ou via  Google, inserindo termos chave como “Registro” ou “Registro do Windows” mais a expressão “site:http://fernandomelis.blogspot.com/” (sem aspas).
Vale lembrar que, além de programas para a “limpeza” do Registro, nossos posts incluem diversas opções de softwares que ajudam a editá-lo de maneira mais segura (permitindo acessar uma vasta gama de ajustes e configurações que não são disponibilizados através de menus ou via Painel de Controle).
Demais disso, como o registro é dinâmico, as constantes modificações requerem desfragmentações periódicas do arquivo onde seus dados são gravados, coisa que foge, por padrão, às possibilidades do desfragmentador nativo do Windows (já que o arquivo em questão permanece bloqueado quando o sistema está carregado). Assim, também nesse caso é preciso recorrer a ferramentas de terceiros, como as que nosso parceiro Kevin sugeriu em http://updatefreud.blogspot.com/2011/01/desfragmentador-registro-windows.html. Vale conferir.
Abraços a todos e até a próxima.
Postar um comentário