sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

DOWNLOADS SEGUROS, INTEL APPUP e afins e HUMOR...


Mesmo sendo bastante versátil, o Windows não provê todos os recursos de que necessitamos em nosso dia-a-dia – e nem deveria, já que a função precípua de um sistema operacional é servir de trampolim para os demais aplicativos. Estabelecido esse pressuposto, é natural a instalação de uma vasta gama de programas – de segurança, produtividade, manutenção, entretenimento, etc. –, conquanto devamos ser seletivos, pois o acúmulo de aplicativos mina o desempenho e compromete a segurança do computador, conforme, aliás, já dissemos em diversas oportunidades.
Passando ao mote desta postagem, vale relembrar que os softwares são distribuídos de diversas maneiras (para mais detalhes, releia minha sequência de postagens sobre pirataria digital e clique aqui para acessar outras considerações pertinentes), dentre as quais o FREEWARE e o SHAREWARE, que representam as modalidades mais populares no âmbito da Web.

Observação: freeware é uma estratégia de marketing destinada a incentivar o usuário a migrar para a versão paga do programa, geralmente mais completa em termos de recursos e funcionalidades. No entanto, os contratos de licença que regem esses programinhas proíbem modificações em nível de código-fonte (convém ter em mente que nem todo software livre é gratuito e nem todo software gratuito é livre). Já os sharewares podem ser baixados, instalados e utilizados experimentalmente; findo o prazo pré-determinado ou atingido o número de execuções permitidas pelo fabricante, é preciso registrar o programinha para poder continuar a utilizá-lo. Existem ainda outras formas de distribuição (DemoTrial, etc.), bem como versões suportadas por adwares, nas quais o “pagamento” se dá mediante a concordância do usuário em conviver com constantes mensagens publicitárias e ter seus hábitos monitorados, mas isso agora não vem ao caso.

Convém tomar muito cuidado com a origem dos programinhas que você instala, pois pessoas mal-intencionadas costumam disponibilizar versões adulteradas que disseminam vírus, trojans, spywares e malwares que tais (aliás, redobre os cuidados caso se sinta tentado a utilizar softwares “craqueados”). Via de regra, eu testo todos os programinhas que sugiro ou recomendo aqui no Blog, bem como crio links que redirecionam os interessados para os websites dos respectivos fabricantes ou páginas de downloads de sites conhecidos e confiáveis – como os nacionais Baixaki, Superdownloads, Gratis, MeusDownloads, por exemplo, e os internacionais Download.com, Tucows, Softpedia, Freenew.net e FileHippo.com.
Por último, mas não menos importante, vale dizer que eu descobri recentemente o INTEL APPUP, que promete devolver o dinheiro caso o usuário não fique satisfeito com o download e solicite o reembolso em até 24 horas. Além de programas pagos, o site disponibiliza também softwares gratuitos, mas igualmente avalizados pela equipe de Quality Assurance da INTEL, que testa cada um deles para garantir a satisfação dos usuários.

Humor de sexta-feira:

Você sabia que...
... o Viagra foi lançado no Japão com o nome AJI-NO-MORTO


Amanhã, na Bahia, comemora-se o dia de Yemanjá. Em São Paulo, seria a data de Oxum, já que a Rainha dos Mares é cultuada no dia 8 de Dezembro. Questão de sincretismo. O importante é contar com a benção dos Orixás. Axe a nós todos e um ótimo f.d.s.
Postar um comentário