terça-feira, 7 de novembro de 2006

Backup - Terceira parte

Para concluir esta rápida visão sobre cópias de segurança, passamos agora ao roteiro para backups em CDs - ainda que esse assunto tenha sido detalhado no volume 5 da Coleção Guia Fácil Informática. Vale lembrar que os procedimentos a seguir requerem um gravador de CD/DVD instalado no computador (embora isso pode lhe parecer óbvio, nunca se sabe...).

1. Insira um CD gravável ou regravável vazio no drive respectivo.

2. Dê duplo clique em Meu computador e clique nos arquivos ou pastas que deseja copiar para o CD (para selecionar mais de um arquivo, mantenha pressionada a tecla CTRL enquanto clica nos arquivos desejados).

3. Clique em qualquer uma das seguintes opções: Copiar este arquivo; Copiar esta pasta; ou Copiar os itens selecionados.

4. Na caixa de diálogo Copiar itens, clique na unidade de gravação de CD e, em seguida, clique em Copiar.

5. Em Meu computador, clique duas vezes na unidade de gravação de CD.


6. O Windows exibirá uma área temporária onde os arquivos serão mantidos antes de serem copiados para o CD. Verifique se os arquivos e pastas que você deseja copiar para o CD estão exibidos em Arquivos prontos para serem gravados no CD e, em Tarefas de gravação do CD, clique em Gravar no CD.

7. Depois que o Assistente para gravação em CD for iniciado, siga as instruções nas telas. Ao término do processo, será exibida uma caixa de seleção para que você escolha criar uma cópia adicional (clique em Gravar estes arquivos em outro CD, insira outra mídia virgem no drive e siga as instruções do Assistente).


Depois de ter certeza de que a gravação foi realizada com sucesso, convém você excluir os arquivos e pastas da área de armazenamento temporário do gravador de CD. Para isso:

1. Dê duplo clique em Meu computador e, em seguida, na unidade de gravação de CD. O Windows exibirá uma área de armazenamento temporário em que os arquivos serão mantidos antes de serem copiados para o CD. Os arquivos e pastas localizados nessa área serão listados em Arquivos prontos para serem gravados no CD.

2. Em Tarefas de gravação do CD, clique em Excluir arquivos temporários. O Windows excluirá os arquivos e pastas da área de armazenamento temporário e os moverá para a Lixeira (isso não afeta os arquivos originais no computador e nem as cópias que foram gravadas no CD, evidentemente).

Note que gravadores de CD mais antigos não queimam CDs regraváveis (que podem ser apagados e regravados por até mil vezes).
Para evitar que a gravação do CD apresente falhas indesejáveis, certifique-se de haver espaço suficiente no disco rígido para abrigar os arquivos temporários que serão criados durante o processo - use a ferramenta Limpeza de Disco, localize e corrija eventuais erros e desfragmente seu HD regularmente (vimos como fazer isso, em postagens anteriores).
Antes de iniciar a gravação, feche todos os demais programas (como proteções de tela e software antivírus) e evite usar o computador com outros aplicativos que possam demandem recursos e, por isso, possam comprometer o resultado do processo.
Até amanhã.

Postar um comentário