quinta-feira, 3 de maio de 2007

A título de ilustração...

Antes de qualquer outra coisa, é imperativo sugerir a todos que dêem uma olhadinha na frase ao pé da página (vale a pena).
Passando ao que interessa, visando ilustrar o que vimos salientando nas últimas postagens, transcrevo abaixo um excerto de uma matéria publicada na PCWorld sobre um estudo realizado pela empresa de segurança de sistemas IronPort:

"Para disparar um ataque de 1,5 bilhão de mensagens com oferta de Viagra e outros remédios, um grupo de spammers utilizou mais de 100 mil computadores zumbis (infectados por pragas virtuais e que passam a ser controlados remotamente) em 119 países, incluindo o Brasil. Os especialistas identificaram, em apenas duas semanas, mais de 2 mil versões da mesma mensagem (para ludibriar os filtros anti-spam, a cada 12 minutos era gerada uma nova versão). E os endereços na internet também mudam: nada menos que 1.500 URLs foram utilizadas, com um novo endereço criado a cada 15 minutos, para driblar as listas negras utilizadas pelas ferramentas de combate ao spam.
Um dos endereços utilizados no ataque de spam foi o da My Canadian Pharmacy, que traz o perfil e fotos (tudo falso) de seus fundadores. Os médicos não existem e o endereço apontado como sendo do imponente prédio da empresa é um terreno localizado ao lado de uma lanchonete. Já o site é hospedado por uma empresa na Califórnia, que tem como endereço uma simples caixa postal.
Para saber o que acontece com quem compra nessa “farmácia online”, os pesquisadores fizeram um pedido, inseriram números de cartão de crédito e esperaram. Alguns dias depois, receberam um envelope vindo de Mumbai, com um saco plástico comum contendo alguns comprimidos azuis - que, logicamente, não eram Viagra. No endereço do remetente (na Índia), não existe empresa alguma - apenas um prédio residencial.
Até o momento, os investigadores não conseguiram chegar aos golpistas, o que comprova a dificuldade de se colocar as mãos nesse tipo de criminoso".

Na postagem de amanhã, vou atender ao pedido formulado semanas atrás pelo Leo, sobre a edição deste nosso Blog.
Abraços a todos e até lá.
Postar um comentário