sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Bancando o detetive (conclusão) e humor...

Se nenhuma das sugestões apresentadas nos posts anteriores foi capaz de resolver a questão, comece a pensar seriamente em reinstalar o sistema. Problemas “ocultos” costumam ir se acumulando com o passar do tempo e o uso normal da máquina, de modo que, mais hora, menos hora, uma reinstalação a partir do zero se torna a melhor solução. No entanto, considerando que esse procedimento “radical” é trabalhoso e demorado, convém deixá-lo para se (e quando) tudo o mais falhar.

Nas versões mais recentes do Windows, o MONITOR DE CONFIABILIDADE (no Seven, clique em Iniciar, digite confiabilidade na caixa de pesquisa e clique em MONITOR DE CONFIABILIDADE E DESEMPENHO; no Vista, clique em MONITOR DE CONFIABILIDADE E DESEMPENHO>MONITOR DE CONFIABILIDADE) pode ser uma mão na roda, mas quem ainda usa o velho XP deve clicar em Iniciar>Executar, digitar “eventvwr.msc” (sem aspas), teclar Enter, escolher Exibir>Filtro, desmarcar Informações e dar OK.
Cada evento poderá então ser examinado em nível de detalhes mediante duplo clique do mouse (se houver um link disponibilizando mais ajuda online, clique nele). No mínimo, você poderá anotar os códigos dos erros e buscar informações adicionais na Web.

Passemos agora à nossa tradicional piadinha:

ROMANTISMO SEM IGUAL


Duas mulheres conversando:
- Como foi sua transa ontem?
- Uma catástrofe! Meu marido chegou do trabalho, jantou em 13 minutos, depois tivemos sexo durante 4 minutos e, após 2 minutos, ele já estava dormindo! E sua transa, como foi?
- Foi fantástica! Meu marido foi SUPER ROMANTICO. Levou-me para jantar fora, depois passeamos a pé durante 1 hora, voltarmos para casa e após outra hora de preliminares à luz de velas, fizemos uma hora de sexo durante e depois ainda conversamos um bocado.


Os dois maridos conversando:
- Como foi tua trepada ontem?
- Foi fantástica! Cheguei e o jantar estava na mesa; jantei, dei uma rapidinha e caí dormindo feito um pato! E a sua?
- Uma catástrofe! Cheguei e tinha acabado a luz. Tive que levar minha mulher para jantar fora. A comida foi uma porcaria e caríssima, tão cara que fiquei sem dinheiro para pagar o táxi de volta. Tivemos de voltar a pé e como ainda não tinha eletricidade, fomos obrigados a acender velas! Eu estava tão estressado que precisei de 1 hora para fazer o bicho levantar e mais outra para conseguir gozar. Fiquei tão irritado que perdi o sono e tive de aguentar mais um tempão de conversa fiada.

Um ótimo final de semana a todos.
Postar um comentário