quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Soluções "in extremis"

Hardware e Software são dois segmentos distintos, mas interdependentes, que formam um sistema computacional, e tanto um quanto o outro estão sujeitos a falhas que podem comprometer o funcionamento do computador.
Como a causa dos problemas nem sempre é facilmente identificável, quaisquer mensagens de erro, telas azuis da morte e intercorrências que tais devem ser cuidadosamente analisadas: falhas de hardware são menos freqüentes do que problemas de software, até porque o desempenho do Windows tende a se degradar com o tempo e o uso da máquina. Mesmo que você faça manutenções regulares, basta um desligamento anormal provocado por falta de energia, por exemplo, para corromper os arquivos de boot e inviabilizar a reinicialização do sistema.
Em situações como essa, geralmente bate o desespero, e a primeira idéia é reinstalar o Windows a partir do zero – procedimento que, embora relativamente simples, resulta em efeitos colaterais bastante aborrecidos, de modo que deve ser deixado para o último caso.
Então, antes de qualquer outra providência, religue o computador, pressione a tecla F8 durante a contagem da memória e, na tela que será exibida, escolha a opção Última configuração válida, tecle Enter e torça para que funcione. Se não der certo, escolha Modo de Segurança com Prompt de Comando, digite “windows\system32\restore\rstrui.exe” (sem as aspas) na linha de comando, tecle Enter e siga as instruções para retornar o sistema a uma configuração anterior que funcione normalmente.
Se nem assim você obtiver sucesso, acesse o site www.sysinternals.com e baixe MS DART, que oferece 14 ferramentas para solucionar diversos problemas do sistema, tais como trocar senha de usuário local, recuperar arquivos excluídos, editar o registro, controlar o startup de drivers e serviços e muito mais (veja o tutorial completo em http://technet.microsoft.com/pt-br/library/ee532075(en-us).aspx). Note, porém, que existem versões para Windows XP/Server 2003 (5.0), Vista/Server 2008 (6.0) e Windows 7/Server 2008 R2 (6.5), e que para utilizá-lo é preciso gravá-lo num CD/DVD/Pendrive ou numa partição local de recuperação, bem como reconfigurar o BIOS para dar o boot pela unidade desejada. Feito isso, acesse a opção SFC Scan para substituir os arquivos corrompidos, reajuste as opções de boot e tente reiniciar o computador pelo HD. Se o Windows insistir em não carregar, use a opção Disk commander para corrigir erros em partições, trilha MBR, etc. e torne a reinicializar o computador. Se nem assim funcionar, acesse Solution Wizard, escolha o primeiro backup da lista descendente e reinicie o sistema (se necessário, tente o segundo, o terceiro, o quarto, e assim por diante).
Se nada disso resolver seu problema, cogite de recorrer a uma instalação de reparo, que reinstala o Windows na mesma pasta, preservando seus arquivos pessoais e facilitando sobremaneira a reconfiguração do sistema (veja tutorial detalhado em http://support.microsoft.com/kb/315341/pt-br).
Boa sorte a todos e até mais ler.
Postar um comentário