sexta-feira, 11 de julho de 2014

WINDOWS 7 - QUALIDADE DE VÍDEO – COMO MELHORAR


DAS TRÊS MELHORES COISAS DA VIDA, A SEGUNDA É COMER E A TERCEIRA É DORMIR.

Independentemente do que ocorrerá nos jogos deste final de semana, o sonho do hexa acabou para os torcedores brasileiros, pelo menos até 2018. Se isso foi fruto de um monumental cambalacho, não sou eu quem vai dizer: embora eu tenha replicado algumas teorias conspiratórias sobre o favorecimento do Brasil nesta Copa, fi-lo embasado em depoimentos de próceres do esporte do quilate de Milton Neves, Jorge Kajuru e distinta companhia, e se tais previsões não se confirmaram, cobrem isso deles, não de mim, que sempre achei um despautério investir bilhões de reais do dinheiro público em reformas e construções de estádios, ops, arenas, que, com raras e honrosas exceções, só teriam utilidade prática se desabassem na cabeça da alta cúpula que desgoverna este pobre país. Mas outubro está aí. Urna neles, pessoal.  

Passando ao assunto do dia, se você assiste a vídeos frequentemente no PC e acha sofrível a qualidade das imagens, faça o seguinte:
  • No campo de pesquisas do menu INICIAR, digite Opções de Energia e tecle Enter.
  • Na tela que se abrir, localize seu plano atual e clique em Alterar configurações do plano.
  • Na tela seguinte, vá a Alterar configurações de energia avançadas, clique no pequeno sinal de adição (+) ao lado de Configurações de multimídia e assegure-se de que Ao reproduzir vídeo esteja ajustado para Otimizar qualidade de vídeo.
E já que estamos falando em vídeo, não deixe de assistir a este aqui:




Agora falando sério, pessoal! O clipe a seguir não é uma simples gozação (bem fundamentada, mas isso é outro história), e sim a opinião de um articulista da revista Veja, que, a meu ver (sem trocadilhos), é a melhor publicação hebdomadária do Brasil. Peço aos leitores que assistam até o final esses oito assustadores minutos que eu inseri de última hora para que vocês tenham todo o final de semana para ruminar (no bom sentido, naturalmente).


Passemos agora ao nosso tradicional humor de final de semana:

Em sua campanha popularesca pela reeleição, Dilma resolveu visitar uma escola localizada num bairro pobre de uma cidade satélite de Brasília.
Na véspera, quando a diretora informou os alunos da efeméride, um deles disse que haviam nascido oito filhotinhos na casa dele, e que todos votariam na “presidenta”.
A diretora autoriza e, no dia seguinte, o menino se dirige a Dilma:
- Presidenta, cinco dos oito filhotinhos que nasceram lá em casa vão votar na senhora.
A diretora interrompe;
- Meu filho, você não havia dito que os oito votariam na Presidenta?
- Pois é, fessora, mas de ontem para hoje três deles abriram os olhinhos.

Aproveitando o embalo, assista a mais este clip e saiba porque termos políticos de "altíssimo nível" em todas as esferas do poder.


CUIDADO, GENTE. ESSE PESSOAL VOTA, E O VOTO DELES VALE TANTO QUANTO O SEU OU O MEU.

Um ótimo f.d.s. e até segunda, se Deus quiser.
Postar um comentário