terça-feira, 20 de outubro de 2009

Pixels ruins (conclusão)

Recapitulando o que dissemos no post anterior, as telas LCD contêm milhões pixels, e cada um deles é formado por três subpixels no padrão RGB – sigla de “Red”, “Green” e “Blue”, padrão capaz de reproduzir milhões de cores combinando tons de vermelho, verde e azul.
Então, se você ligar seu monitor e visualizar um pontinho estático preto, branco ou colorido, numa posição onde não deveria estar, é provável que haja um ou mais subpixels “mortos” ou “em curto”. Caso esse problema seja identificado de plano num aparelho novo, o melhor é pleitear a troca junto ao revendedor (as lojas geralmente não fazem muitas perguntas, até porque os encarregados das trocas não reúnem conhecimentos técnicos sobre todos os produtos ali comercializados). Se isso não for possível (o prozo de troca costuma ser limitado a uns poucos dias), o jeito é acionar a garantia do fabricante. Se nem isso resolver, vale lembrar que existem algumas maneiras de tentar solucionar o problema.

Acompanhe:

1 - Assegure-se de que o monitor esteja limpo, livre de poeira (vimos em outras postagens os procedimentos adequados para limpar esses aparelhos), configurado para exibir imagens em sua resolução nativa (no Painel de Controle, clique em Vídeo > Configurações e selecione o ajuste indicado pelo fabricante) e com a proteção de tela desativada.

2 - Baixe e instale o freeware UDPixel (disponível em http://udpix.free.fr/index.php?p=dl). Note que, para programinha funcionar, seu Windows precisa ter o .Net Framework instalado (visite http://msdn.microsoft.com/pt-br/netframework/default.aspx para mais informações e download).

3 - Para localizar pixels defeituosos, abra o UDPixel, ajuste a opção Run Cycle para 4 segundos e clique no botão de mesmo nome (se existir algum pixel travado, você o verá facilmente durante o ciclo de cores).

4 - Para tentar resolver o problema, clique em Start, posicione a pequena “moldura” sobre o pixel ruim, aguarde de 15 a 20 minutos, clique em Reset, repita o processo do ciclo de cores e confira o resultado.

Se o UDPixel não lograr êxito, desligue o monitor, envolva a ponta de uma caneta – ou outro objeto pontiagudo semelhante – num pano macio e pressione gentilmente o pixel ruim por cerca de 10 segundos (vale também bater de leve e repetidamente no pontinho com a extremidade rombuda da caneta). Feito isso, religue o aparelho e veja se deu certo (talvez seja necessário repitir esse procedimento mais algumas vezes).
Boa sorte.
Postar um comentário