terça-feira, 26 de abril de 2011

Informatiquês

Toda disciplina tem seu jargão, e a Informática não é exceção. Aliás, usar um computador sem conhecer o significado de uma profusão de termos e siglas a partir de palavras em inglês resulta em deslizes perdoáveis ou, em certos casos, em erros crassos inadmissíveis.
CPU, por exemplo, é a sigla de Central Processing Unit (Unidade Central de Processamento) que remete ao processador principal do computador – e não ao gabinete (aquela “caixa” que abriga a placa-mãe e demais componentes internos do PC, que também é conhecida como Case, Gabinete do Sistema ou Gabinete de CPU).
Bit é a contração de "Binary Digit" (dígito binário), e designa a menor unidade de informação manipulada pelo computador, ao passo que Byte é uma unidade básica de memória que corresponde a oito bits e representa a quantidade de informação necessária para especificar uma letra, número, símbolo ou outro caractere qualquer.
Drives são unidades – de disquete (Floppy Drive), disco rígido (HDD ou Hard Disk Drive), CD-ROM, pendrive (ou qualquer outro dispositivo de armazenamento de dados) geralmente identificadas pelo sistema operacional por uma letra seguida de dois pontos (por exemplo, A:, C:, etc.), ao passo que drivers são programinhas de baixo nível que servem como ponte (elemento de ligação) entre o sistema operacional e o hardware.
Por ocasião da instalação (ou reinstalação) do sistema, é preciso instalar os drivers (de chipset e de dispositivos) referentes aos componentes de hardware que integram o computador. Embora o Windows conte com um expressivo banco de drivers nativos e seja capaz de fazer funcionar a maioria dos itens de hardware disponíveis no mercado, é sempre preferível usar as versões disponibilizadas pelos fabricantes (que costumam vir nos CDs ou disquetes que acompanham o computador, a placa-mãe e outros dispositivos e periféricos). No caso de uma reinstalação, se você não tiver ou não encontrar os CDs que vieram com seu computador, use o PC Wizard (freeware disponível em http://www.cpuid.com/pcwizard.php) para vistoriar o hardware, acesse o site dos respectivos fabricantes e esquadrinhe a seção de downloads de drivers ou suporte. Note, porém, que é bem mais simples executar essa tarefa com o DriverMender (mais informações e download em http://drivermend.com/).
Bom dia a todos e até amanhã, se Deus quiser.
Postar um comentário