quinta-feira, 24 de maio de 2018

SINTOMAS DE INFECÇÃO EM SMARTPHONES ― 3.ª PARTE


DE NADA ADIANTA VOCÊ SE PREOCUPAR COM AQUILO QUE NÃO TEM COMO CONTROLAR.

Após reiniciar o smartphone no Modo Seguro, abra o menu de Configurações, selecione a opção Aplicativos e certifique-se de que todos os apps estejam sendo exibidos (se houver uma aba que permita visualizar somente os programinhas que você baixou, tanto melhor).

Puxe pela memória e veja se consegue associar o comportamento estranho do seu telefone com a instalação de um aplicativo específico. Se não for possível, navegue pela lista e veja se identifica algo estranho, que não deveria estar ali ou que você não tenha certeza de ter instalado. Toque no programinha suspeito para abrir a sua página de informações e então selecione a opção Desinstalar.

Via de regra, isso é tudo que você precisa fazer para remover o vírus, mas pode acontecer de o botão Desinstalar estar desabilitado ― o que geralmente ocorre quando o vírus concede status de administrador para ele próprio. Nesse caso, saia do menu Aplicativos, torne a tocar em Configurações e, no campo Segurança, toque em Administradores do dispositivo para visualizar a lista dos apps com status de administrador, desmarque a caixa do item que você deseja remover e, na tela seguinte, toque em Desativar.

Volte então ao menu Aplicativos, desinstale o programinha em questão (o que excluirá também o código malicioso), reinicie o aparelho no modo normal e veja se ele agora está funcionando direitinho. Caso afirmativo, faça um backup de todos os seus dados, especialmente os mais importantes e/ou de difícil recuperação, instale uma ferramenta antimalware confiável e toque a vida adiante. Se nem assim o problema foi resolvido, o jeito será restaurar as configurações originais do aparelho, mas isso é assunto para a próxima postagem.

Visite minhas comunidades na Rede .Link:
Postar um comentário