quinta-feira, 22 de julho de 2010

Lentidão (continuação)

Se você usa o IE8, é possível acelerar um pouco a sua navegação – ainda que em detrimento da segurança – desabilitando o filtro do SmartScreen (que vasculha as webpages em busca de sinais de phishing, conforme vimos  aqui). Aproveite o embalo para desligar também a capacidade de leitura de feeds, caso você não utilize esse recurso (clique em Ferramentas > Opções da Internet > Conteúdo e, sob Feeds e Web Slices, clique em Configurações e desmarque a caixa Verificar automaticamente se há atualizações nos Feeds e Web Slices). Você pode remover também as extensões indesejadas (clique em Ferramentas > Gerenciar complementos, selecione aquilo que você achar desnecessário manter e clique em Desabilitar). Clique em Aceleradores (na lista Tipos de complemento, à esquerda) e, se tiver certeza de que não precisa de algum deles, clique nele e escolha Desabilitar ou Remover. Clique ainda em Provedores de pesquisa, exclua as opções que você não utiliza e marque “Impedir que programas sugiram alterações em meu provedor de pesquisa padrão”.

Observação: Embora o Internet Explorer seja o browser utilizado pela maioria dos internautas (mais de 60%), existem outras opções – como o Mozilla Firefox, o Google Chrome e o Opera, por exemplo, já abordados em outras postagens – que funcionam melhor em máquinas com configurações modestas, contribuindo, por conseguinte, para uma navegação mais rápida.

Sempre que seu browser acessa um site, ele armazena os arquivos da página para não precisar baixá-los novamente quando você tornar a visitar o site. Com o tempo, todavia, o cache pode ficar muito grande e fazer o efeito contrário, ou seja, tornar a navegação mais lenta. Então, convém você limpá-lo regularmente com as ferramentas nativas (clique em Ferramentas > Opções da Internet > Excluir Histórico de Navegação, marque Arquivos de Internet Temporários, desmarque todos os outros e clique em Excluir) ou com o auxílio de programas específicos como o  CCleaner.
Vale também conferir, nas configurações do histórico de navegação do seu browser, se o valor do espaço em disco a ser utilizado está configurado em 50MB. Caso você disponha de dois ou mais discos rígidos, verifique no atalho local atual se os arquivos temporários estão armazenados no mais rápido (caso necessário, clique em Mover pasta para mudá-los de local).
Amanhã a gente conclui.
Abraços e até lá.
Postar um comentário