terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Barbas de molho

Como bem disse Kevin Mitnick – o “Papa” dos hackers nos anos 90 –, computador seguro é computador desligado. Entretanto, se você adotar aquelas tradicionais medidas preventivas que a gente vem repisando em nossas postagens (atualizar regularmente o sistema e os programas, usar um antivírus e um aplicativo de firewall, evitar navegar por águas turvas e redobrar os cuidados em relação a links e anexos de e-mails suspeitos, dentre outras mais), poderá se considerar relativamente seguro.

Por outro lado, não custa relembrar que:

• Os PENDRIVES, por serem dispositivos baratos, portáteis e capazes de armazenar grande quantidade de dados, vêm sendo largamente utilizados na disseminação de pragas eletrônicas. Além disso, máquinas digitais, MP3 players, impressoras e até porta-retratos digitais são igualmente capazes de armazenar arquivos potencialmente danosos (não é a toa que o Departamento de Defesa dos EUA proíbe terminantemente a entrada de qualquer dispositivo USB em suas dependências).

• Mídias portáteis (CDs e DVDs) são igualmente capazes transportar informações de um lugar para outro e podem ser usadas, portanto, como veículos de transporte para vírus, trojans e outros malwares.

• A mobilidade e portabilidade dos laptops também contribuem para aumentar a insegurança, já que muitos usuários costumam levá-los para todo lado sem criptografar dados pessoais e informações confidenciais ou utilizar qualquer recurso que permita a deleção do sistema de arquivos à distância (no caso de o aparelho “se perder”).

• Embora as redes sem-fio possam ser acessadas por qualquer um que esteja no raio de alcance da antena, muita gente não se preocupa em estabelecer senhas ou outros protocolos de segurança. Se pessoas não autorizadas se “pendurarem” em sua rede (seu vizinho de apartamento ou o morador da casa do lado, por exemplo), além de dividir com o “espertinho” a sua largura de banda, você ainda aumenta o risco de ter seu sistema invadido.

Celulares modernos integram câmeras de alta resolução e portas de conectividade variadas, de modo que as ameaças que eles representam são igualmente dignas de nota.

Barbas de molho, minha gente.
Postar um comentário