segunda-feira, 8 de abril de 2013

COMPUTADOR – PREVENÇÃO/SOLUÇÃO DE PROBLEMAS


“Os computadores vieram para resolver todos os problemas que não existiam quando não existiam computadores”.

Muitas falhas de hardware e de software têm sintomas semelhantes e confundem até mesmo técnicos experientes, mas boa parte dos problemas mais “comuns” pode ser solucionada pelo próprio usuário, desde que ele conheça o “caminho das pedras”, como veremos nesta e nas próximas postagens. Note os termos sublinhados e grafados em azul são links para outras postagens onde o tema em questão tenha sido detalhado, de modo a economizar espaço e evitar repetições desnecessárias; então, clique neles!

·        Calor excessivo é um dos grandes inimigos do computador. Instale seu PC num local arejado, mas que não pegue sol, e mantenha ao menos cinco centímetros livres no entorno do gabinete, de modo a evitar a obstrução das ranhuras ou orifícios de ventilação. Se você usa um laptop, evite operá-lo sobre almofadas, travesseiros, edredons, mantas e assemelhados – em dias muito quentes, recorra a um suporte com micro-ventilador.

·        Caso seu desktop não esteja na garantia e você se sinta à vontade para remover a tampa do gabinete e manusear os componentes internos, faça uma faxina em regra a cada seis meses. Notebooks também precisam ser limpos, mas aí é melhor recorrer a um técnico de confiança.

·        Distúrbios da rede elétrica podem acarretar sérios problemas aos delicados componentes do computador. Como “filtros de linha” são simples varistores, recorra a um no-break ou, na pior das hipóteses, a um estabilizador de tensão.

·        Mantenha seu sistema e programas atualizados e seguros (clique aqui para saber como localizar facilmente novas versões ou atualizações para aplicativos “não-Microsoft”).

·        Habitue-se a fazer manutenções preventivo-corretivas semanal ou quinzenalmente (clique aqui para rever um tutorial que eu publiquei no início de fevereiro passado).

A prudência recomenda manter backups atualizados de arquivos importantes e/ou de difícil recuperação, como veremos na postagem de depois de amanhã.
Abraços a todos e até lá.
Postar um comentário